Archive for the 'Horário Eleitoral' Category

NOVA PESQUISA MOSTRA QUE VANESSA CRESCE E ARTHUR CONTINUA ESTAGNADO

Duas pesquisas divulgadas por institutos diferentes comprovam uma impactante realidade na política manauense. A mobilidade ascendente da senadora Vanessa Grazziotin e a esperada estagnação do ex-senador, Artur Neto, diplomata que ameaçou dar uma surra em Lula.

Na quinta-feira,  dia 20 de setembro, o IBOPE divulgou que a candidata Vanessa  saltou de 19 para 29% empatando com o ex-senador que vinha liderando as pesquisas antes da propaganda do horário eleitoral.

Para confirmar que a senadora evoluiu na preferência eleitoral, o Jornal A Crítica e o instituto de pesquisas Action, divulgaram hoje, dia 23, nova pesquisa que confirma que o ex-senador, que pormeteu dar uma surra em Lula, não cresceu mais, pois em agosto aparecia com 29% na preferência eleitoral enquanto Vanessa detinha 22%. Serafim em agosto estava com 12% e nesta tem 11%, Henrique Oliveira tinha na pesquisa anterior 11% e na atual permanece com 11%. Pauderney Avelino que acusou o IBOPE de fraude, na pesquisa anterior do Jornal A Crítica/Action estava com 4% agora caiu para 3%.

Na pesquisa do IBOPE Vanessa subiu 10% e na da A Crítica Action 6%. No IBOP Vanessa venceria no segundo turno com 43%. Na pesquisa de A Crítica Action, Artur venceria com 44%. Na pesquisa do IBOPE Artur desponta em primeiríssimo lugar no índice de rejeição.  No paralelo de tais projeções insistimos. Quem estagnou e quem evoluiu? Quem evoluiu foi a candidata Vanessa porque comparando com todos os demais candidatos vê-se que nenhum subiu, ao contrário estagnaram-se e/ou caíram na preferência dos eleitores.

O  resultado das pesquisas refletem o que o ex-senador fez no passado  e que parte da população, apesar de constituir já um clichê de que o povo não tem memória está se comprovando que não é verdade.

Na história do ex-senador a agressão aos vendedores ambulantes do centro comercial de Manaus pelo rapa e a ameaça de surrar o presidente do povo brasileiro, Luis Inácio Lula da Silva o povo não esquece. Como não esquece os oitos anos de perseguição ao seu governo pelo PSDB e DEM  que por represália de não terem eleito Serra para presidente foram responsáveis pelo fim da CPMF. O povo não esquece que Artur tem o apoio do prefeito cassado, Amazonino Mendes, considerado um dos piores prefeitos do Brasil.

Blogs, e jornais (?) manauenses defensores do ex-senador bem como jornalistas como Noblat duvidaram da pesquisa IBOPE. Agora, com a nova pesquisa Crítica/Action devem ter mudado de endereço para a malidicência eleitora.

    O amestrado porta-voz da mídia acéfala tupyniquim, Noblat, em sua compulsão para defender o candidato da ultradireita, tachou Vanessa de cínicia, acreditando que a estava ofendendo. Bela ignorânica, posto o cinismo é uma corrente filosófica cujos postulados são contra a corrupção, a ausência de valores morais, os credos que rebaixam a dignidade humana, a hipocrisia e a as ofensas. O que é próprio do pseudo jornalismo de Noblat, e seu pares. Como muito de Manaus, onde predomina o mais baixo grau de inteligência.

       

 

 

  

CANDIDATOS ESTÃO PROBIDOS PELO TSE DE USAR O TWITTER PARA FAZER CAMPANHA ANTES DA DATA OFICIAL

 Por 4 votos a 3 o Supremo Tribunal Eleitoral (TSE), em julgamento na noite de ontem, dia 15, decidiu que os candidatos a cargos eletivos estão proibidos de usar o microblog, twitter, para fazer campanha pessoal,se autopromoverem e pedir votos.

      Para os ministros que decidiram a proibição o twitter é um meio de difusão de massa assim como a televisão e o rádio, e como a lei só permite o uso de propaganda no rádio e na TV no período oficial, o mesmo deve ocorrer com o twitter. O candidato que desrespeitar a decisão poderá sofrer uma multa de R$ 5 mil a R$ 25 mil.

    A decisão do TSE saiu depois que os ministros analisaram a ação do Ministério Público contestando quatro mensagens em que o candidato à vice-presidente Índio da Costa, na chapa de Serra, pedia voto para o candidato do PSDB à Presidência da República. As mensagens foram postadas no twitter no dia 4 de julho, dois dias antes da permissão para o início das campanhas. O twitero era seguido por 40 mil aficionados.

    Índio entrou com um recurso para que o TSE decidisse a questão. O julgamento começou em março de 2011, mas foi interrompido por dois pedidos de vistas. O último placar era de 2 a 2.No final votaram a favor da liberação os ministros Gilson Dipp, Carmen Lúcia e Antonio Dias Toffoli. Contra a liberação votaram os ministros Aldir Passarinho, Marcelo Ribeiro, Ricardo Lewandowsky e Arnaldo Versiani.

 

DILMA APRESENTA ALEGRIA NO INÍCIO DO PROGRAMA ELEITORAL; SERRA, A MESMA DOR DOS MALOGRADOS

O início do programa eleitoral nessa sexta-feira, dia 8, apresentou uma disparidade visível. Nos primeiros dez minutos, uma Dilma alegre, com uma alegria não psicológica, mas uma alegria ontológica, uma alegria de quem carrega alto grau de potência de agir, como diz o filósofo Spinoza. Nos outros dez minutos, um Serra, candidato da lupem-burguesia, carregado pela dor, dissimulando uma triste alegria psicológica. Aquela que sai de uma forte dor existencial. O que é dos próprios homens malogrados, dos que não são princípio, mas apenas insuportável consequência, como afirma o filósofo Sartre.

O programa de Dilma foi do começo ao fim um programa inteligente, honesto, bem comunicativo e acima de tudo religioso. Religioso no sentido próprio da etimologia da palavra: ligar, religar. Ligar em comunalidade. Ligar democraticamente com o povo. Já o de Serra, embora use a “religião” para acusar a candidata Dilma, não apresentou nada de religiosidade. Nada da alegria que se tem quando se liga em comunalidade democrática. Só lamento. Uma demonstração de que Serra nada tem de religioso. Ele não se liga em comunhão democrática com o povo. Religião para ele é um lecton, palavra que só tem significante – sua grafia – e não significado.

No movimento alegre das nuances criativas, o programa apresentou algumas personagens que acreditam e fazem o Brasil. Governadores eleitos, como Eduardo Campos, de Pernambuco, Cid Gomes, do Ceará, Tarso Genro, do Rio Grande do Sul, Casagrande, do Espírito Santos, a senadora Martha Suplicy, o senador Cristovam Buarque, todos alegres e confiantes na vitória do povo brasileiro, engajados na campanha de Dilma. Todos com enunciações políticas voltadas para a defesa do Brasil. Enquanto Serra, perdido em lamentações acusatórias, mostrava sua profunda dor de um homem que não carrega qualquer signo religioso que o ponha próximo do povo. A prova fiel de que para ele usar acusação, calúnias, difamações, injúrias contra Dilma não lhe causa qualquer pejo, visto que a vivência política ética para ele encontra-se fora de sua existência.

É então que surge na tela o presidente Lula, o bom Sapo Barbudo – como o chamava carinhosamente seu amigo Brizola –, afirmando que as mesma injúrias, difamações, calúnias que estão fazendo contra Dilma fizeram com ele. “Disseram que se eu fosse eleito iria acabar com as religiões. Acabar com o Brasil. As religiões estão aí livres, e o Brasil crescendo”. Enquanto isso, Serra não tinha um Fernando Henrique, amigo, para apresentar, para falar de crescimento. Só tinha a surrada tautologia, a mesma repetição usada em 2002, quando disputou contra Lula e pegou um homérica lavada de votos.

Um dos bons momentos do programa de Dilma, e que marcou presença positiva, foi a informação aos eleitores do uso maligno da internet que estão fazendo certos indivíduos para divulgar inverdades contra a candidata da maioria do povo brasileiro – a essência do Brasil -, e que é preciso tomar cuidado e denunciar esses e-mails apócrifos que são distribuídos para todos os cantos do Brasil. E, para resguardar maior segurança, foi mostrado o endereço que o eleitor deve acionar quando receber essas calúnias para denunciar e procurar saber de seu fundamento (http://www.dilma13.com.br/verdades). Uma demonstração de que agora, nesse segundo turno, a central de boatos promovida pela campanha de Serra, com ajuda de alguns pastores e padres fariseus, cabos-eleitorais de igrejas inconsequentes, e os delirantes da Tradição, Família e Propriedade (TFP), não vai encontrar um campo fértil para prosperar com ajuda do medo de alguns fieis que não têm fé verdadeira. A fé que não nega a razão. A razão que analisa o que lhe é posto em frente.

No mais, a tomar o que foi apresentado no programa de Dilma, o eleitor-telespectador ou ouvinte só vai ter bons momentos de alegria. Quanto ao programa de Serra, só a vetusta dor de quem ao entrar em uma disputa usa todos os meios sórdidos para tentar a vitória. Se possível, passar com um trator por cima da própria mãe, como afirmou sobre Serra o deputado Ciro Gomes.

COORDENAÇÃO DA CAMPANHA DE DILMA PEDE AO TSE DIREITO DE RESPOSTA NA CANÇÃO NOVA

Em razão da propaganda eleitoral feita na TV Canção Nova, no dia 5, pelo padre José, afirmando que Dilma é a favor do aborto e de gestações indesejadas, uma declaração clara de querer ajudar a candidatura de José Serra, o responsável, em 1998, pela aprovação do aborto nas dependências do Sistema Único de Saúde (SUS), a coordenação da campanha eleitoral da candidata do presidente Lula, do Partido dos Trabalhadores, dos partidos aliados e da maioria do povo brasileiro, Dilma Rousseff, entrou ontem, dia 7, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com pedido de direito de resposta na TV Canção Nova para responder às inverdades propagadas pelo padre cabo eleitoral de Serra.

Para coordenação da campanha de Dilma Rousseff, o padre foi irresponsável ao propagar um discurso negativo com afirmações falsas, injúrias e calúnias. “Dentre outras afirmações falsas e ofensivas, de cunho difamatório e calunioso, o referido padre afirma que o PT é a favor de gestações indesejadas”, afirmam os advogados da campanha de Dilma. A coordenação quer 15 minutos de direito de resposta pela parte da manhã na programação da TV Canção Nova.

Para entrar com o pedido no TSE, os advogados se basearam na Lei das Eleições que proibe que a partir de 1º de julho do ano da eleição, as emissoras de televisão veiculem propaganda política ou difundam opinião favorável ou contrária a candidato, partido, coligação, a seus órgãos ou representantes, bem como dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação.

CIRO GOMES NA COORDENAÇÃO DA CAMPANHA DE DILMA

Participando entusiasmado, confiante e alegre na reunião com a candidata Dilma Rousseff, o deputado federal e ex-ministro da Integração Nacional no governo Lula, Ciro Gomes (PSB/CE), disse que será um cabo eleitoral de Dilma atuante.

Em entrevista ao Portal Brasil Atual, Ciro mostrou sua combatente determinação contra a direita retrógrada que infesta o Brasil e coloca em perigo a democracia em constante vigília conspiratória contra o Brasil.

Estou seguro que o melhor caminho é Dilma. Mas é preciso também compreender porque 20% dos brasileiros, tudo gente boa, da melhor intenção, tudo gente progressista, trabalhadora, amada, porque não veio conosco no primeiro turno. Por que foi com a Marina? O que Marina interpretou? Acho que uma certa frouxidão do PSDB acabou sendo replicada por certa frouxidão do PT, e tem uma parte de nós, brasileiros, que não gostamos dessa frouxidão.

Sei disso porque uma parte dessas pessoas já votou comigo em outras ocasiões. É classe média, estudante, jovem, gente preocupada com alguma intransigência. Não é de intolerância que estou falando, mas de intransigência em matéria de comportamento político”, afirmou Ciro Gomes.

Analisando a perversa campanha terrorista de boatos contra Dilma e a atuação da mídia claramente favorável à candidatura de Serra, Ciro considerou: “Boato só prospera onde há perplexidade, vácuos, vazios. Como essa questão do aborto. É complexa, é delicada. Interagem com esse assunto questões religiosa, questões morais, éticas, sanitárias, emocionais, psicológicas. Questões terríveis. E os políticos, por regra, detêm um oportunismo muito rasteiro a respeito deste assunto. Acho que esse é o vácuo. Quando você tem o vácuo, e não tem clareza, o boato acaba prosperando mais do que devia.

E, claro, há o papel de uma parte da imprensa brasileira. E isso não é novidade, não temos que nos assustar com isso. Quem se enganou foi quem acreditou que haveria essa cordialidade que eu sempre soube que não haveria. Uma parte da imprensa brasileira tem preferência, o que é legitimo.

Apenas deveríamos ajudar o eleitor brasileiro a saber que a Veja é reacionária. É direito do povo brasileiro saber que a Veja é reacionária. A Veja deve existir, deve fazer o que bem entender. Se passar da conta, temos um sistema democrático que garante reparos no Judiciário, mas nada de ir contra a imprensa. A imprensa é sagrada para nós, democratas.

A Veja passa da conta. Vive a serviço do que há de mais espúrio na sociedade brasileira. É isso que a gente deve explicar para as pessoas. Que a Veja tenha longa vida, mas que todos fiquem sabendo que a Veja não é uma observadora neutra da vida brasileira: ela está a serviço dos interesses internacionais, da privataria, da escória brasileira. Isso sempre foi. Desde que a turma do melhor nível saiu, virou isso. Um instrumento de achaque.”

Ciro também falou sobre sua atuação na campanha de Dilma diante do povo. “Falar com o povo. Sincera e humildemente. Falar como povo. Enfrentar. Isso sou eu quem estou falando. Essa cordialidade só ajuda àquelas pessoas que têm as ferramentas clandestinas de mentir contra a vontade popular.”

TSE DIZ QUE PROPAGANDA ELEITORAL PODE COMEÇAR SEXTA-FEIRA

A propaganda eleitoral terá inicio em 48 horas, a partir de zero hora”, afirmou o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowki, depois de proclamar os resultado parciais das eleições para presidente. De acordo com a proclamação, a propaganda eleitoral no rádio e na televisão poderá começar na sexta-feira, dia 8.

Apesar da proclamação do resultado, o início da propaganda eleitoral ainda está preso aos acordos entre os candidatos ao cargo de presidente da República, Dilma Rousseff e José Serra, e a Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e Televisão (Abert). A data limite para começar a propagando é o dia 16. E seu final dia 29.

Depois de afirmar que nenhum recurso nos tribunais eleitorais regionais contestou o resultado dos candidatos indicados para o segundo turno, o presidente do TSE, Lewandowki, afirmou: “Aprovo provisoriamente o resultado da eleição presidencial e homologo resultado nele apresentado, indicando Dilma Rousseff e Michel Temer e José Serra e Índio da Costa para disputa de segundo turno.”

Haverá segundo turno nos estados do Amapá, Alagoas, Goiás, Paraíba, Piauí, Rondônia, Roraima e no Distrito Federal.

DILMA INICIA A PROPAGANDA ELEITORAL

Segundo resolução aprovada ontem, dia 5, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a candidata do presidente Lula e da maioria do povo brasileiro, Dilma Rousseff, começará a propaganda eleitoral no rádio e na televisão. A partir de então os dias serão alternados entre os candidatos.

A resolução do TSE tomou como base o fato de Dilma ter sido a candidata com maior número de votos. A duração de propaganda para cada candidato é de dez minutos todos os dias, inclusive aos domingos, com mais 7 minutos e 30 segundo todos os dias com inserções. O mesmo tempo será para os candidatos ao governo nos estados onde a disputa foi para o segundo turno.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,001,043 hits

Páginas

julho 2017
D S T Q Q S S
« jun    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031