Archive for the 'Devir-Criança' Category

POIS É, SABE COMO É. A DEMOCRACIA É A POTÊNCIA SOCIAL E O GOLPE A IMPOTÊNCIA ANTISOCIAL. AÍ, NÃO TEM JEITO: LULA DISPARADO NA CUT/VOX POPULI

Resultado de imagem para imagens de lula 

          Quando o mouro de Trier, Marx mostrou que o verdadeiro significado de política é o movimento real. O movimento que mudas os estados de coisas estabelecidos de forma pétrea cujo corpo é representado pela classe burguesa, ele enunciou o óbvio: a vida é contínua mudança.

        Essa verdade universalmente incontestada, também é afirmada pelo filósofo Nietzsche quando ele discorre sobre seu conceito de vontade de potência materializado em seu dizer revolucionário: a vida ativa o pensamento e o pensamento afirma a vida. E olhe que Nietzsche é considerado pelos mentecaptos-cognitivos como alienado politicamente.

        Esses dizeres vitais foram bem sintetizados pelo filósofo-psiquiatra, companheiro-filosófico de Deleuze, Guattari, quando ele afirma que “antes do ser há a política”. Todos os filósofos compreenderam que a política não se resume em um plano governamental administrativo baseado em um poder constituído. Pelo contrário, eles todos afirmaram que esse plano é posterior à práxis e a poises política. O movimento vida criador das formas de existências singulares. Para o filósofo Sartre as escolhas universais do homem partidas de sua liberdade que antecede sua essência.

         Então, pode-se perguntar: Por que há sociedades em que seus habitantes sofrem em função da impossibilidade de satisfazerem suas necessidades básicas? É porque nessas sociedades o movimento real foi obstruído pela força antisociais predominantes. Às forças capitalistas. O contrário das sociedades socialistas em que o movimento real é materializado como satisfação dos habitantes, porque é a expressão da maioria produtiva-ativamente.

        Lula vem sendo paranoicamente perseguido pelas forças mais reacionárias que se apresentam como poder governamental brasileiro, uma heresia, já que em democracia quem é representatividade de fato e de direito é a potência-povo. No entanto, a paranoia institucionalizada não tem colhido nenhum fruto contra a democracia. Só fruto amargo, fruto que paranoico adora, mesmo fazendo cara feia.

     A pesquisa CUT/Vox Populi mostra, entre outras expressões do movimento real, que para 43% dos entrevistados Lula foi o melhor presidente do Brasil. E os outros como Fernando Henrique? É um mero esquecido dos que amam a vida. E 33% afirmaram que o Sapo Barbudo é o mais admirado e amado. E o pau comendo no lombo da democracia.

        Com pau ou sem pau, Lula ganha às eleições no primeiro e no segundo turno. No primeiro turno Lula tem 31% em opinião espontânea, que significa quando os nomes dos candidatos não são citados. Aécio, vulgo Mineirinho, segundo delação na Odebrecht, tem 5%, Marina, aquela que afirmou que Deus não a deixou embarcar no avião que caiu com Eduardo Campos, e depois apoiou Aécio, 4%, e Alckmin, vulgo Santo, o terror dos alunos e professores, tem 2%.

      Na pesquisa estimulada no segundo turno, quando os nomes dos candidatos são apresentados aos pesquisados, é uma loucura. Lula dispara para 43% das intenções contra Aécio que fica nos míseros 20%. Contra o Santo o couro é pior. Lula tem 45% e o Santo 20%. E contra Marina? Diga lá, meu. A santa fica com 21% e o Sapo Barbudo com 42%.

       É nesse quesito que a turma do Moro, Rede Globo, Estadão, Folha de São Paulo, Band, QuantoÉ, Veja (e fique cego), Época (triste), Jovem (epígono, os que nascem com os cabelos brancos)Pan, entre outras congêneres, se arrepiam de ansiedade. A pesquisa mostrou que 96% dos entrevistados sabiam que Lula havia sido indiciado. Porém, sempre tem um porém quando a perseguição é explícita, para 56% Lula fez mais coisas certas do que erradas. É mole?

       Se algum masoquista quiser converter esses 56% para votos em 2018, pode gozar: Lula já é presidente!

       Mas a caçada continua. Só que Lula não é Lula. É uma TransLulação: a composição da potência alegre da maioria dos brasileiros que se entende como movimento real. Ou, como diz o filósofo italiano, Toni Negri, a potência constituinte que modifica o poder constituído. Ainda mais quando o poder constituído é opressor. No caso atual, constituído como golpe.

       Daí quê não há Lula lá! Há Lula na destemporalização criadora de democracia.

       E para continuar, que a democracia não para quando é movimento real, vai o Natal-Lula-Devir-Povo. 

Anúncios

ÀS VÉSPERAS DAS ELEIÇÕES NA CÂMARA FEDERAL MULHER DE CARANGUEJO ARROLA DOIS MINISTROS DO GOLPISTA TEMER E UM BANDO DE DEPUTADOS, INCLUSIVE ÁTILA LINS, DO AMAZONAS

:

Hoje, a partir das 16 horas, os deputados federais do Brasil estarão elegendo o candidato que cumprirá um mandato tampão até o início de 2017.

Isto está acontecendo porque o presidente  Eduardo Cunha, vulgo caranguejo foi afastado pelo STF por envolvimento com roubo, mentira, evasão de divisas e contas não declaradas  na Suíça  e renunciou à presidência.

Independente disso, esse ser nocivo, mesmo afastado não deixou de influenciar o golpista mor, Michel Temer. Neste momento é um defunto sem sepultura, parafraseando o Chico Alencar, do PSOL

Uma de suas últimas cartadas se deu ontem, na Comissão de Constituição e Justiça onde o caranguejo queria que a Comissão de Ética votasse novamente cancelando a decisão de cassá-lo e queria mais dez dias úteis para se defender, 40 disseram não.  A reunião prosseguirá hoje de manhã e dificilmente sua cassação ainda se dará este mês. Fica tudo para agosto. O caranguejo ameaçou e ali demonstrou que não vai se afogar sozinho. Vai levar uma quadrilha com ele.

Ontem foi um dia movimentado envolvendo principalmente os golpistas. A primeira paulada foi a denúncia contra o candidato dos golpistas Temer e Caranguejo, Rogério Rosso. Há denúncia e vídeo gravado pelo ex-secretário de governo do Distrito Federal Durval Barbosa; que Rosso metia a mão na cumbuca, pegava muita babita; a acusação foi feita pelo deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) e pelo ex-gerente da Companhia de Desenvolvimento do Distrito Federal, Luis Paulo Costa Sampaio.

Os golpistas estão divididos. O Centrão poderá perder a eleição e para complicar, as visitas do Caranguejo ao Jaburu foi também para acertar que sua esposa, Claudia Cruz quando apresentasse sua defesa na Lava Jato ia arrolar ministros e deputados ligados umbilicalmente a Temer. E foi exatamente o que aconteceu ontem, diferente, de Marcelo Odebrecth que dispensou Dilma como testemunha no seu processo, Cláudia Cruz está levando para falar da fortuna da família 26 pessoas, dentre elas o Ministro das Cidades, Bruno Araujo (PSDB-PE)  aquele que saiu de férias misteriosas e foi aos Estados Unidos e o ministro do Turismo, Maurício Quintela (PR-AL). Além desses amigos vão depor, Jovair Arantes,  a defesa também convocou os deputados Carlos Marun (PMDB/RJ), aliado de Cunha que atuou para que o pedido de cassação do correligionário fosse arquivado pelo Conselho de Ética, Hugo Motta (PMDB/PB), Felipe Maia (PMDB/RN), Gilberto Nascimento (PSC-SP) e Átila Lins (PSD-AM).

Átila Lins é um dos deputados federais baixo clero mais longevos no parlamento em Brasília. Sempre ligado a golpistas. Vem desde o golpe de 1964. Foi da ARENA, PDS, PFL. Apoiou os militares, esteve com todos os governadores do Amazonas, sua família chegou a controlar um Tribunal do Município na não cidade de Manaus que ficou conhecido como Tribulins. A família está rica. Possuem uma rede de faculdades particulares em Manaus  e é parceiro do maior corrupto do Brasil, segundo Sérgio Machado, Pauderney Avelino.

São essas pessoas que hoje estarão votando. E os candidatos deles são esses degenerados, corruptos, ladrões. Eles se conhecem e nunca vão votar num que lhes ofereça perigo. Eles querem aquele que vai frear a sangria que a Lava Jato já produziu. 

Por isso, nossa sugestão de voto é para LUIZA ERUNDINA, do PSOL, mesmo tendo o ex-ministro da Saúde, Marcelo Castro  fiel à Dilma, mas do partido golpista que não foi recebido pelo golpista maior que se justificou que o Planalto não interfere nas questões do legislativo.

No mais, fora Temer, volta querida!

 

 

 

CRIANÇAS AFINADAS MALHAM OS JUDAS

IMG_7856

Dois Judas, um referente ao Judas real e outro referente ao Judas imaginário. O primeiro é reflexo histórico constituído pelas experiências de mundo do próprio personagem que antes de ser incluído no discurso paulino bíblico, foi protagonista de suas ideias políticas e sociais. O segundo é reflexo da transfiguração do real em personagem mistificado pelo discurso paulino bíblico que fez uso da propaganda para transfigurá-lo em personagem traidor de Cristo, que o vendeu por 30 denários e o dedurou com beijo. O imaginário beijo de Judas. IMG_7842 IMG_7843 IMG_7844 IMG_7849 IMG_7850 O segundo tem sua representação maior nos anseios de Paulo que precisava de alguém para justificar a permanência de Cristo crucificado que morreu para nos salvar, e aí, então, instituir a culpa, a dívida, o ressentimento, a má consciência que abolidas com o perdão. Um perdão que se conquista através do autoconhecimento como pecador. Nada do que Cristo pregou. Cristo só amou. Não um amor banal, individualista, de classe, de grupo, mas um amor coletivo que não funciona como compensação como pretendem os tiranos exploradores da fé verdadeiramente cristã. IMG_7860 IMG_7861 IMG_7862 IMG_7863 IMG_7866 ENTÃO, AS CRIANÇAS FESTEJARAM Nesse ano houve na festa do Judas uma inovação. O testamento do colega Judas não foi escrito antecipadamente para ser lido no momento da festa. Dessa vez, as próprias crianças criaram, versejaram e rimaram as estrofes. Quer dizer: criaram as estrofes de forma coletiva. Exemplo: pergunta-se qual a criança que quer receber uma lembrança de Judas. Uma criança, em questão, Eduardo, que quer receber. Então, começa a estrofe: “Ao meu amigo Eduardo”. Pergunta-se ao Eduardo de que ele gosta, ele responde: “Gosto de feijão”. Aí, pergunta-se (alguém que coordena a construção da estrofe), às crianças: “O que Judas deixa como lembrança ao Eduardo que, no fim do verso, rima com feijão? Uma criança (responde de sua criação), responde (respondeu na festa): ”Arroz, farinha e macarrão”. E a estrofe lembrança de Judas fica: IMG_7867 IMG_7868 IMG_7871 IMG_7872 IMG_7873 IMG_7874 “Ao meu amigo Eduardo Que gosta de feijão Deixo como lembrança Arroz, farinha e macarrão”. E a festa continua rimada até enquanto crianças queiram ganhar lembranças de Judas. Nessa festa de Judas de 2014, foram realizadas outras brincadeiras com elementos teatrais todos referentes à Páscoa e Judas. Mas sempre ocorrem dois grandes momentos nessa festa: tirar foto abraçado com o bom Judas, e a hora da malhação. Antes era só malhar. Extravasar energias, e muitas vezes ressonâncias a-históricas: “O Judas é mal, traiu Jesus”! Agora, a malhação mudou: as crianças malham o Judas para encontrar presentes dentro deles, principalmente bombons.. IMG_7880 IMG_7883 IMG_7884 IMG_7890 IMG_7902 Como criança é devir humano que necessita de nutrientes para colocar sempre em práxis suas faculdades intelectiva, sensorial, imaginativa, memorial, biológica, tem sempre que haver o mata broca, além do tradicional ovo de Páscoa caseiro. Nada de ovo industrial. Cristo sempre se considerou um Homem-Natural. Carregava elementos da filosofia estoica e epicurista que cultivavam amorosamente a Natureza. Daí o nome da habitação do filósofo Epicuro ser chamada Jardim de Epicuro. IMG_7908 IMG_7910 IMG_7912 IMG_7913 IMG_7917 IMG_7919 IMG_7921 IMG_7922 IMG_7926 IMG_7929 IMG_7930 No mais, é só bradar: Valeu, criançada! Valeu, Judas!

BANDINHA DO OUTRO LADO ATUALIZA A POTÊNCIA LÚDICA DE DIONISIOZINHO

bandinha outro lado 019

Já há alguns anos a Bandinha do Outro Lado, um dos vetores-criança da Associação Filosofia Itinerante (Afin), atualiza a potência lúdica de Dionisiozinho no domingo-gordo de carnaval no Bairro Novo Aleixo, Rua Rio Jau, Zona Leste de Manaus. O território mais pobre dessa não-cidade.bandinha outro lado 006

bandinha outro lado 009 bandinha outro lado 021 bandinha outro lado 023 bandinha outro lado 022 bandinha outro lado 025 bandinha outro lado 027 bandinha outro lado 028 bandinha outro lado 033 bandinha outro lado 039bandinha outro lado 041 bandinha outro lado 043 bandinha outro lado 044

É um território pobre não por carência de inteligência, volição, talento, saber e ética, de suas populações, mas por carência de satisfação das necessidades naturais básicas do homem. Insatisfações resultantes das desumanas administrações públicas impostas às populações dos bairros menos atingidos pelos serviços públicos. Um território onde sua população subsiste na ordem do desemprego, subemprego e salário-mínimo. Uma ordem cruel que se não fossem as políticas públicas do governo federal, a realidade seria muito mais perversa. Um estado de coisa angustiante promovido pelos desgovernos das direitas que se apossaram há, quase, trinta anos da capital.

bandinha outro lado 046 bandinha outro lado 047 bandinha outro lado 049 bandinha outro lado 051 bandinha outro lado 060 bandinha outro lado 063 bandinha outro lado 065 bandinha outro lado 066 bandinha outro lado 075 bandinha outro lado 082

É nessa situação, como diria o filósofo francês Sartre, se engajar na situação em que se estar como sujeito-histórico responsável pela produção de sua existência, que a Afin tenta produzir junto com a comunalidade novos modos de ser, sentir, ouvir, ver e pensar. E a Bandinha do Outro Lado carrega esses corpos de sabedorias e afetos produzidos pelas crianças, capazes de revelarem essas novas dimensões de existir. Uma festa no sentido dionisíaco do conceito e da práxis que só as crianças podem atualizar.

bandinha outro lado 083 bandinha outro lado 088 bandinha outro lado 092 bandinha outro lado 099 bandinha outro lado 096 bandinha outro lado 106 bandinha outro lado 107 bandinha outro lado 112 bandinha outro lado 114

Pois foi exatamente essa experiência devir-criança que novamente foi possível observar e acreditar que só o movimento real pode superar os estados de coisas alienantes de uma cultura dominantemente perversa. Nada como o brincar-criativo transformador. Transformar a forma estereotipada-estabelecida.

bandinha outro lado 104 bandinha outro lado 115 bandinha outro lado 116 bandinha outro lado 102 bandinha outro lado 117 bandinha outro lado 105 bandinha outro lado 122

Em um percurso muito simples a Bandinha do Outro Lado – que não tem lado, como a vida que flui sem seguimentaridade – atualiza seu virtual-lúdico. Sai da casa onde são realizadas as sessões de cinema do vetor-Kinemasófico – melhor dizendo, a casa da Miariam que emprestas parte de sua casa para a Afin -, percorre algumas ruas do bairro e volta para o mesmo local, onde a festa continua. Depois da folia, é realizado o ‘desbrocante’ infantil, porque criança embora seja a potência-vital, não é de ferro.

bandinha outro lado 125 bandinha outro lado 124 bandinha outro lado 126 bandinha outro lado 128

Um ritmo diferente que ocorreu nesse ano de 2014, foi à participação de crianças afinadas na orquestra. Além das crianças usarem instrumentos industrializados, elas também fizeram uso de instrumentos artesanais criados por elas com a orientação do mestre Alci Madureira.

bandinha outro lado 129 bandinha outro lado 130 bandinha outro lado 131 bandinha outro lado 136 bandinha outro lado 137 bandinha outro lado 140 bandinha outro lado 141 bandinha outro lado 142 bandinha outro lado 143 bandinha outro lado 143 bandinha outro lado 144 bandinha outro lado 145 bandinha outro lado 147 bandinha outro lado 148

No mais, foi uma festa daquelas que o capitalismo predador odeia. Uma festa onde o princípio principal é a dignidade humana.    

OIT E TST LANÇAM RELATÓRIO E CARTILHA RESPECTIVAMENTE SOBRE O TRABALHO INFANTIL

https://i2.wp.com/agenciabrasil.ebc.com.br/sites/_agenciabrasil/files/gallery_assist/27/gallery_assist722834/prev/ABr12062013_DSC1827.jpgOntem, dia em que foi instituido o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, houveram diversas manifestações sociais e políticas a respeito do tema. Em Brasília foi realizado o seminário Proteção Social e Trabalho Infantil cujo objetivo é debater políticas sociais como  o Bolsa Família e o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), e avaliar os resultados alcançados no País com as políticas públicas. Estiveram presentes representantes de Ministérios, da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e do programa interagencial de cooperação para pesquisa Understanding Children’s Work (Entendendo o Trabalho Infantil).
A ministra Tereza Campello participou da abertura do evento, que também contou com a participação de um representante da OIT no Brasil. Entre os debatedores, destaca-se o coordenador do programa Understanding Children’s Work, Furio Rosatti.
 No seminário foram divulgados dados oficiais dos programas federais,artigos sobre o tema e um relatório da OIT denominado “Erradicar o trabalho infantil no trabalho doméstico”. O relatório afirma que por volta de 10,5 milhões de crianças trabalham em todo o mundo, a maioria com menos de 18 anos e envolvidas com trabalhos domésticos. Muitos casos há situações de risco para criança e regimes de trabalho análogos à escravidão. As maior parte das vítimas têm entre cinco e 15 anos e são meninas e muitas vezes sofrem violência física, psicológica ou sexual, podendo até ser prostituidas.

No relatório há um um apelo para uma ação conjunta nacional-internacional para a erradicação do trabalho infantil. No Brasil é permitido o trabalho a jovens a partir de 16 anos desde que não prejudiquem a saúde e o desempenho escolar. Porém na realidade isto muitas vezes não ocorre e programas como o Peti atendem vítimas de trabalho infantil irregular.

O Brasil vem melhorando na erradicação do trabalho infantil, mas ainda é muito pouco. Em outubro, o paíssediará a III Conferência Global sobre Trabalho Infantil, promovida pela OIT.

TST LANÇA CARTILHA SOBRE TRABALHO INFANTIL

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) lançou a cartilha Trabalho Infantil – 50 Perguntas e Respostas que traz informações importantes sobre o assunto, incluido os direitos legais dos jovens que trabalham.A cartilha servirá para país, professores, entidades civils e qualquer interessada podendo inclusive ser baixada aqui

No lançamento da cartilha, o presidente do TST, ministro Carlos Alberto Reis de Paula, recebeu os novos jovens aprendizes do tribunal.Na cartilha, estão especificadas situações particulares em que juízes do trabalho podem emitir autorizações para que crianças ou jovens trabalhem – como é o caso dos artistas mirins. Também são esclarecidos pontos controversos, como os requisitos para essas autorizações e o fim da permissão para que crianças e adolescentes trabalhem para prover o sustento da família.

De acordo com a cartilha “Crianças e adolescentes têm o direito ao não trabalho. Às crianças deve ser assegurada uma infância feliz, lúdica, a participação em brincadeiras próprias da idade. A elas, a partir da idade correta, e aos adolescentes, educação pública de qualidade, de preferência integral. Aos adolescentes e jovens, qualificação profissional. Ou seja: o Estado tem o dever de garantir que o roubo ou qualquer outra atividade criminosa não seja opção única de quem não trabalha”.

No caso do trabalho doméstico, desde 2008 ficou estabelecido que nenhuma pessoa com menos de 18 anos pode exercer tais atividades.

KINEMASÓFICO COMEMORA 4 ANOS COM DUAS FESTAS EM SUA NATALINIZAÇÃO DE JANEIRO

DSC00228

Natal, época de nascimento comemorada todo fim de ano. Para o kinemasófico o seu natal é em janeiro, mês em que foi engendrado este vetor afinado junto com as crianças do Novo Aleixo. Desta forma o ano novo traz o natal para o Kinemasófico. E neste último domingo do mês de janeiro o Kinemasófico comemorou seus quatro anos juntamente com a festa natalina da Afin. Ufa! Até que enfim chegou o natal da Afin.

E estas duas comemorações encheram o bairro do Novo Aleixo de alegria, risos e muitas brincadeiras. Mas antes do início da atividade kinemasófica houve uma conversa com as crianças, jovens e pais presentes sobre o entendimento e a importância dos cinemas para as crianças.

DSC00223

Foi colocado pelas crianças que o cinema já faz parte da realidade deles mas que diferente da televisão proporciona um debate onde todos podem usar sua voz e expor seus pensamentos. No kinemasófico afinado eles disseram se sentirem dispostos para conversar sobre os temas levantados e para aprender com as novas imagens que o cinema traz. Além disso foi colocado também que este aprendizado é sempre divertido e envolvente, ao contrário das obrigações e punições da escola.

E desta forma sentimos em cada palavra que o cinema tem sido uma composição que aumenta a potência criança de cada um e abre diversas formas de pensar, se expressar e agir.

Depois da conversa como em todo aniversário kinemasófico foi passado um vídeo especial. Neste ano o vídeo denominado “Hoje o cinema são vocês” mostrou além das fotos das crianças, dos curtas e longas kinemasóficos exibidos durante o ano e uma seleção musical especial, uma seção dedicada às brincadeiras e atividades que aconteceram durante o ano.

DSC00210

Desta forma após terminar as fotos com as crianças e os cinemas exibidos apareceu na o “falso” FIM seguido de uma tela preta. Porém após alguns segundos o vídeo anunciava É BRINCADEIRA mostrando então as fotos das crianças brincando nas mais diversas atividades proposta durante o ano como o pebolzinho, boliche, rima rimador, formação de palavras, jogo dos bancos, etc. Mais uma vez se declarava um falso FIM para mostrar as fotos do grupo do Hip-hop que produziram uma batalha de B-boys após algumas projeções de cinema. ASSISTA O VÍDEO ABAIXO OU PARA BAIXA-LO O VÍDEO CLIQUE AQUI.

E em cada foto que se passava havia uma explosão de gargalhadas e de olhares que se cruzavam pois naquele momento as crianças eram atores e espectadores ao mesmo tempo. As fotos mostram que elas são o responsável pelo vído e pela festa, pois ajudaram durante todo o ano a produzir o kinemasófico com sua presença e o uso de sua alegria, inteligência, humor na relação estética com cinema e com as crianças afinados .

DSC00218

Quando o vídeo Photo-kinemico terminou parece que o tempo cronológico de um ano não diminui a vontade de estar alí, mas na composição atemporal de novos afetos o tempo que passou pelas fotos não pode ser mensurado em 1 ano ou outra quantia. Isto ocorre pois houve nestas composições a criação de novas maneiras de entender o mundo, fazendo com cada um se transformasse em um novo. E como sempre há esta transformação o tempo cronos nunca vigora pois sempre somos um novo que não pode ser dividido nem contado pelo predecessor.

E foram distribuidos os pratos da ceia kinemasófica nutrindo os cinéfilos crianças para que o vigor da vida persevere. E o mata-broca tava saboroso primeiramente com o arroz com frango e farofa, seguido de um bolo de chocolate.

DSC00265

DSC00291

DSC00266

DSC00285

Então cada criança escolhia um quadrado com número que estava dentro de um saco, sendo que este correspondia a um brinquedo a ser recebido. Desta forma a criança era responsável pela sua escolha e caso não estivesse satisfeita com o brinquedo poderia trocar com o colega ou dar para alguém que escolhesse.

Um a um foram sendo chamado os números e a revelação do brinquedo desconhecido terminava com o mistério numerológico. E junto com o brinquedo cada criança recebia um delicioso pote com doce de abacaxi para comemorar o novo companheiro de brincadeiras.

DSC00296

DSC00307DSC00315

DSC00327

E assim a noite foi passando com um grande júbilo envolvendo todos os presentes que independente do brinquedo ou da comida, já que todos fazem o cinema e constroem novas relações durante todo o ano. E como todo domingo o kinemasófico é festa não precisa se preocupar que esta terminou pois logo mais tem outra.

Mas além desta festa do olhar que ocorre sempre, está chegando uma que se torna real somente uma vez por ano: a Bandinha do Outro Lado, que neste ano ocorre no dia dia 10 de fevereiro e promete mais uma grande festa, embalada na força de Dionísio, do bode tragos e do brincar criança. Então abre alas que a bandinha vai passar.

DSC00320

UM NOVO DIA EM ENCONTRO DEVIR-CRIANÇA AFINADO

A Afin durante todo o ano produz encontros com as crianças do Novo Aleixo, sempre criando além da composição das relações com a comunidade e as crianças, um espaço onde sejam visto e composto novas formas de ver, sentir e agir no mundo. Assim as atividades da Afin acontece sempre aos domingos com as novas imagens do kinemasófico que é seguido das brincadeiras, atividades, discussões e como não poderia faltar as pipocas doce e salgada e o suco.

E assim todo encontro é um novo dia com novas existências e produções crianças. No mês de outubro continua as produções e quando o consumismo impõe o dia da criança, afinadamente para as crianças afinadas é apenas um novo dia de produções que sempre estão presentes.

E assim a Afin realizou um novo encontro criança no segundo domingo deste mês para mais uma vez festejar o ser criança. Houveram diversas brincadeiras como pula-corda, boliche, cabo de guerra, tabelas futebolísticas, embaixadinha entre diversas outras. A primeira brincadeira era fazer embaixadinha com a bola, mas a cada novo lugar do corpo que conseguisse bater na bola sem a deixa-la cair contava como dois pontos. E como sempre as brincadeiras são feitas com novas regras afinantes.

Depois foi a vez da tabela, onde uma das crianças da dupla tocava a bola e a outra tinha que esperar a bola passar da linha para poder finalizar para o gol. Assim era necessário haver uma coordenação entre o passe e o posicionamento para o chute a gol.

Deixando a bola nas redes foi a vez de pegar a corda e partir para o cabo de guerra. A brincadeira é bastante simples, onde dois trios puxam uma corda e aquele que passar da marca do meio perde.

Uma das estratégias do cabo de guerra é deixar os adversários avançar um pouco para pega-los no contra-pé. O mais importante é que a corda deve ser de material que não cause grande atrito na brincadeira. E como sempre as mulheres mostraram que tem mais determinação e garra, derrotando os garotos.

Quando terminou as brincadeiras a fome já estava apertando e foi a vez do tradicional mata-broca que estava reforçado para este encontro especial tendo vatapá com arroz, frango, bola, torta de abacaxi e maria-mole.

Por fim nosso encontro afinado terminou com a distribuição de brinquedos para que as vivências afinadas se expandam dentro do cotidiano de cada um e nas brincadeiras comunitárias. E tinha todos tipos de brinquedos: flautas, carrinhos, bonecas, bolas, ioios, fogãozinhos, e muito mais.

Com a noite se alongando o encontro teve que ser interrompido. Embora ele não continue as produções do devir-criança afinado continuam sempre em novas maneiras de criar os dias.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,036,081 hits

Páginas

setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930