Archive for the 'Blog PAULO MOREIRA LEITE' Category

RITUAL DO GOLPE TEM QUE SER OBEDECIDO NO SENADO COMO STF RECOMENDOU. COM MEDO DE RICARDO, ANASTASIA VAI SEGUIR A LEI. DERROTA DE TEMER

 

temer_medalha_ouro_ny_times

A semana começou impondo grande derrota ao impostor. Depois de ter se solidarizado com familiares do golpista de Xapuri que mandou às favas os escrúpulos da consciência, o “Fora Temer” teve que  assimilar a derrota na Comissão Especial do Golpe.

Os golpistas queriam concluir o golpe no mês de julho. Antes da Olimpíada. Só que há um ritual e que deve ser obedecido.

Em julho serão concluídos os trabalhos, mas a votação será em agosto quando a Olimpíada no Rio de Janeiro vai estar a todo vapor e ai te segura golpista.

Como já falamos aqui,  nem o maior São João do Mundo foi respeitado em Campina Grande com o estrondoso escracho ao Senador Cássio Cunha Lima e a Kassab, imaginem, o Maracanã lotado com a multidão gritando, “Fora Temer.” Ele bem que poderia nos livrar desse constrangimento. Renunciar ao ilegítimo governo, antes da Olimpíada para não envergonhar os deuses gregos e aos brasileiros perante bilhões de telespectadores do mundo inteiro. Já imaginaram se todos os brasileiros recorrerem à justiça pedindo indenização por danos morais perante o mundo.

Na onda de derrota, há vários ministros citados na Lava Jato. Há ministro da Transparência que antes de ser ministro falou que partidos políticos são balcões de negócio, ministro dando carteirada para viajar em avião da FAB, Meirelles dizendo que a Fazenda não tem condições de pagar os reajustes concedidos pelos deputados e pelo golpista mor aos funcionários públicos federais e secretária da mulher escrachada por funcionárias.

Eliseu Padilha declara que não ficará no governo nenhum ministro citado em desmandos, corrupção e malfazejos. Gedel, o baiano que sabe o que fez no verão passado, foi às compras e como os demais estão com estabilidade garantida, até a volta de Dilma. Porque depois, só tem um destino: Papuda.

Temer é novamente derrotado  porque decidiu não mais demitir os ministros corruptos. Ele pensou. – Se eu demitir esses ministros o que a população vai pensar de mim. Nomeio um ministério de manhã para demitir à tarde. Vou passar para a sociedade que sou fraco. Negligente. Prefiro o escracho.

Esse golpe à democracia é uma derrota em si. Hoje, o New York Times mostrou para o mundo todo que o Brasil é o number one, medalha de ouro. Medalha de ouro em corrupção. E tomam como referência o exatamente o pessoal da ponte: PMDB, PSDB. 

Enquanto isso, o governo da ponte para o futuro está vendo o capital financeiro, volátil da Bolsa de Valores de São Paulo escafeder-se. Não veem nos golpistas segurança para investimentos, se é que esse capital é usado com essa finalidade.

E a derrota vai tomando efeito dominó, levando todas as anomalias que sempre se beneficiaram em detrimento dos pobres. Aécio Cunha, Renan, Jucá, Sarney, Eduardo Cunha, Henrique Alves, Padilha e muitos, muitos outros que vivem noites de insônia, se é que anomalias não “mandam às favas os escrúpulos da consciência.” “Eles passarão, nós Passarinho.”  

 

JANOT TOMOU PARTIDO DE MARINA

janot marina13

por Paulo Moreira Leite

Ao apoiar censura à propaganda do PT, PGR diz que ela cria, “artificialmente”, reações ” emocionais” contra independência do BC. Como ele sabe?

Mais cedo do que se poderia imaginar, mas inevitável como reflexo de suas concepções políticas, agora Marina Silva tenta censurar a propaganda política de Dilma Rousseff. Ela entrou com ação na Justiça Eleitoral para impedir a divulgação de anúncios que criticam sua proposta de independência do Banco Central.

Para Marina, a censura não chega a ser um novidade curricular. Para quem se julga sob proteção divina, é difícil resistir a tentação de negar aos outros aquilo que se quer para si mesmo. Marina acaba de conseguir a retirada do ar do site Muda Mais.
Eu acho — e creio que não é uma opinião pessoal — que é preciso ter um pensamento muito autoritário para, em pleno século XXI, discriminar direitos de homens e mulheres por causa da maneira como fazem sexo.

Mais preocupante, contudo, é o fato de que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, tenha acolhido o pedido de Marina. Teria sido coerente com leis de um país que realiza eleições livres e proíbe a censura esclarecer que a Justiça não tem por que envolver-se numa questão que é a matéria prima de uma campanha — o confronto de ideias e concepções. Não há calúnia nem difamação no caso.
Não estamos falando da boazuda que vende cerveja.
Em política, você pode achar que as reações de determinadas pessoas são “emocionais ou passionais.” Mas também pode achar que são racionais, em função das consequências conhecidas de uma determinada proposta. No caso da independência do Banco Central, ela permitiu políticas nefastas várias partes do mundo. É natural que provoque indignação e até mais do que isso.
A obra recente de Paul Krugman e Joseph Stiglitz, economistas laureados com o Nobel, insuspeitos de qualquer desvio emotivo em seus estudos, demonstra que a Europa transformou-se num cemitério, depois de 2008, porque o Banco Central Europeu estava no comando de uma equipe de fanáticos do Estado Mínimo. Eles usaram o regime de autonomia para cortar benefícios sociais, aprofundar o desemprego. Derrubaram governos de países mais frágeis, comprometeram a recuperação daqueles que pareciam mais fortes.
Tudo para proteger um sistema financeiro que Stiglitz define, precisamente, como o único cassino do mundo onde o dono nunca perde. Taí, João Santana: faltou pensar na jogatina. Stiglitz autorizava, embora pudesse parecer menos respeitoso ainda do que os gravatões em volta de um computador.
Emocional? Passional?
Indo à raiz da desregulamentação financeira e dos investimentos em derivativos que estão na origem do colapso de Wall Street, é possível encontrar as maquinações de Alan Greenspan, presidente do Federal Reserve, o BC norte-americano, também autônomo. Janot escreve que “a cena criada na propaganda é forte e controvertida, ao promover, de forma dramática, elo entre a proposta de autonomia do Banco Central e o quadro aparente de grande recessão, com graves perdas econômicas para as famílias.”
A ligação entre autonomia do Banco Central e recessão não é invenção de marqueteiros. É sustentada por análises e argumentos, números e pesquisas. É possível discordar — mas aí cabe contrapor uma opinião, outra visão. Não cabe interditar o debate porque Marina não gosta e o PGR não concorda.
Estamos falando de uma questão essencial da eleição. Marina queria que a mensagem chegasse aos banqueiros, na esperança de receber seus votos e suas contribuiçõe$. Mas não quer que seja discutida pelo povão, que pode transformar essa alegria no patamar de cima em festa inútil.
No Brasil, o BC tem liberdade para definir juros, cambio e outras variáveis fundamentais da economia. Mas, antes e depois de cada decisão, seu presidente reúne-se com o presidente da República para explicar as razões e motivos. O presidente da República pode concordar ou não com os argumentos do interlocutor. Caso se verifique uma divergência instransponível, ele pode demitir o presidente do BC. Faz parte de suas atribuições, como autoridade eleita, que representa a vontade da população.
É para isso que se fazem campanhas, não é mesmo?

SUBIDA DE DILMA COLOCA MARINA CONTRA PAREDE

1

por Paulo Moreira Leite

Enquanto Dilma recupera o favoritismo, candidata do PSB perde apoio pela dificuldade de sustentar uma perspectiva política clara.

A arrancada de Dilma no Ibope confirma aquilo que era fácil de imaginar. Após o imenso impacto da tragédia que matou Eduardo Campos, a campanha presidencial retorna ao ponto de partida e Dilma se aproxima da posição original de favorita. Já tem oito pontos de vantagem no primeiro turno — e se encontra em empate técnico nas pesquisas sobre o segundo.

A dúvida, agora, é o futuro de Marina Silva.

Capaz de navegar na onda emocional, que deixou o país em estado de choque, chegou o momento de demonstrar que é uma candidata competitiva. Seu desempenho, até aqui, tem sido desastroso.

Quanto mais aparece como candidata, o que implica em comprar o debate a partir de uma perspectiva política, perde pontos e credibilidade. Aprovada com louvor no teste de imagem pessoal, não conseguiu demonstrar consistência na discussão de ideias ou propostas.

A queda rápida se explica em função disso. O bom candidato é aquele que cresce toda vez que abre a boca.
Em função de posições políticas abertamente conservadoras, Marina tornou-se irreconhecível para seus antigos eleitores.
Em função do caráter improvisado de suas propostas, perdeu sustentação entre aqueles que poderiam lhe dar apoio como um instrumento mais eficaz para cumprir a prioridade absoluta do empresariado, que é derrotar Dilma Rousseff.

Nos últimos dias, circulavam sinais nítidos de que a própria direção do Itaú mostrava-se insatisfeita com a identificação excessiva da instituição com a candidata.
A campanha está longe de encerrada e pode dar muitas voltas. A dúvida é saber como será capaz de sobreviver até 5 de outubro.

Paulo Moreira LeitePaulo Moreira Leite é diretor do 247 em Brasília. É também autor do livro “A Outra História do Mensalão”. Foi correspondente em Paris e Washington e ocupou postos de direção na VEJA, IstoÉ e Época. Também escreveu “A Mulher que Era o General da Casa”.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Blog Stats

  • 3,958,438 hits

Páginas

maio 2017
D S T Q Q S S
« abr    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031