Arquivo para abril \30\UTC 2018

NOVAS IMAGENS DA CARAVANA DAS ÁGUAS DEFENDENDO A DEMOCRACIA E LULA LIVRE

Produção AfinsophiaIMG_20180430_112457153

IMG-20180430-WA0027IMG-20180430-WA0033

IMG_20180430_105640403.jpg

Anúncios

COMO SERÁ O PRIMEIRO DE MAIO, NA REPÚBLICA, EM SÃO PAULO E PELO BRASIL

1 de Maio em SP

CUT, CTB e Intersindical promovem manifestação no centro da cidade, acompanhada de apresentações musicais. Rio tem ato na Praça XV. Em Brasília, entre Torre de TV e Funarte.

por Redação RBA

Com organização da CUT, CTB e Intersindical, a manifestação do Dia do Trabalhador em São Paulo será na Praça da República, a partir do meio-dia. Movimentos sociais que compõem as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo participam do ato, que terá como mote a defesa dos direitos atacados pela “reforma” trabalhista e da democracia, pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e por seu direito a disputar a presidência da República.

A bandeira da revogação da nova legislação, e de outras medidas como a emenda constitucional do congelamento de gastos sociais, moverá o movimento sindical nas eleições deste ano.

O 1º de Maio da Praça da República terá também apresentações de artistas, como a banda Liniker e os Caramelows, que mescla black music, a rapper Preta Rara, a sambista Leci Brandão, o grupo Mistura Popular, o compositor de sambas enredo André Ricardo, e os cantores e intérpretes, Grazzi Brasil e Celsinho Mody, destaques do carnaval em 2018 pela escola de samba Paraíso do Tuiuti.

Mesmo muita gente e entidades organizando excursões para principal manifestação do dia, em Curitiba, onde as sete maiores centrais sindicais farão uma inédita manifestação conjunta, o 1º de Maio tem atos programados em todo o país com a mesma temática.

Ainda em São Paulo, em Osasco, a partir das 8h, tem início a tradicional corrida e caminhada dos trabalhadores e trabalhadoras, em frente à sede da prefeitura. Em Campinas, a partir das 9h, tem início concentração no Largo do Pará, no centro, de onde sairá caminhada até a Catedral, na Praça José Bonifácio, onde ocorrerá ato unificado. Em Araraquara, às 14h, tem início apresentações culturais e ato político na Praça Scalamandré Sobrinho, no bairro Vila Ferroviária. 

Em São Bernardo do Campo, metalúrgicos realizam manifestação na Praça da Matriz a partir das 10h. À tarde se juntam com bancários, químicos, professores, estudantes, petroleiros e diversas outras categorias e movimentos sociais na Praça da República.

A capital paulista tem ainda ato da Força Sindical na Praça Campo de Bagatelle, na zona norte, das 9h às 15h.

Pelo país

No Rio de Janeiro (RJ), às 14h, tem início a concentração na Praça XV (próximo à Rua do Mercado). Haverá um esquete com o grupo Emergência Teatral. Em seguida, começa a batucada com o Bloco da Democracia e caminhada pelo Boulevard Olímpico até a Praça Mauá. Em Vitória, haverá ato na Praça Costa Pereira, das 9h às 13h. 

Minas Gerais terá evento do 1º de Maio em Belo Horizonte (MG), das 8h às 11h, na Escola Municipal Pedro Guerra, na Rua João Ferreira da Silva, 230. Em Contagem, a partir das 7h30, manifestação na Praça da Cemig, Cidade Industrial, seguida da 42ª Missa do Trabalhador.

Em Maceió, a partir das 8h30, no Posto 7, na Jatiúca, tem início o ato com a participação da CUT, frentes Brasil Popular e Povo sem Medo e as centrais sindicais CSP, Conlutas, Nova Central e CTB. Em Macapá, às 9h, será realizada vigília na sede da CUT, Avenida  Manoel da Nóbrega,537 , bairro Laguinho. Em Manaus, a partir das 15h, tem início o ato na esquina da Sete de Setembro com Avenida Eduardo Ribeiro.

A Bahia terá ato unificado em Salvador, a partir das 13h, na Barra, com uma série de serviços gratuitos, como retirada de carteira de trabalho, orientações jurídicas, atendimento à saúde da mulher, entre outras ações. Em Feira de Santana (BA), das 8h às 16h, será realizada missa em memória à vereadora Marielle Franco, e ato por Lula Livre, com atrações musicais. Em Santo Antônio de Jesus, a partir das 8h, terá caminhada nos bairros e palestra sobre a reforma Trabalhista, sindicalismo e o golpe de 2016. Em Santo Estevão, às 9h, será celebrado um ato ecumênico. Em Canavieiras, às 8h, está agendado um café da manhã com trabalhadores na nova sede do Sindicato. Em Conceição de Feira, a partir das 8h, tem missa campal seguida pelo ato Lula Livre.

Em Fortaleza, a partir das 15h começa o ato público que reunirá as frentes Brasil Popular e Povo sem Medo, CUT, CTB e Intersindical no Centro Poliesportivo de Parangaba, na Avenida General Osório de Paiva, Bairro Parangaba. No mesmo local, às 9h, tem o lançamento estadual do Congresso do Povo – pela revogação das medidas do governo Temer, em defesa da soberania nacional e contra o fascismo. Em Iracema, às 7h, tem início a Carreata dos Trabalhadores, que começa na Praça Casimiro Costa (Praça da Mangueira). Ainda no Ceará, ato unificado do Vale do Jaguaribe, acontece às 10h, em Tabuleiro do Norte. E em Caucaia, o 2º Acampamento Estadual do Levante Popular da Juventude encerra sua programação também no 1º de Maio.

Em Brasília, a partir das 9h, a concentração será no estacionamento entre a Funarte a Torre de TV. Haverá debate político com as Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo e CUT, além de apresentações culturais e atividades para as crianças, com o samba da Tapera.

Em Goiânia, às 14h, as atividades começam na Praça Universitária com apresentação da banda Sã Consciência, além de rodas de conversa, oficina e exibição de curtas-metragens, com curadoria de Benedito Ferreira. Às 15h, tem Diego Mascate, seguido por Mundhumano, Cocada Coral, Terra Cabula e Maíra Lemos.

Em Campo Grande, os atos começam no dia 30 (segunda-feira), com om a Noite Cultural do Trabalhador, a partir das 18h, na Esplanada Ferroviária, sob a organização da CUT, UGT, Nova Central, CTB, Fórum dos Servidores Públicos Estaduais do MS. No dia 1º, a partir das 7h, o ato será na Associação Colônia Paraguaia, R. Ana Luísa de Souza, 610, no Bairro Pioneiros. Das 8h às 13h, haverá atos esportivos e políticos no Pagode dos Bancários, no Clube de Campo dos Bancários. Às 11h, organizado pelo PCdoB, haverá a “Feijoada do Trabalhador”, no Bar da Valu. Às 17h, tem início a manifestação por Lula Inocente, na esquina da Afonso Pena com 14 de Julho.

Ainda em Mato Grosso, em Corumbá, a partir das 9h30, ato internacional do Dia do Trabalhador será realizado na Fronteira Brasil-Bolívia, organizado pela CUT e Central Obrera Boliviana. Em Dourados, às 16h, ato no Parque Rego D’água Jardim Água Boa.

Em Belém, às 9h, haverá ato na Praça da República. O Pará tem programações também nas cidades de Abaeté, Altamira, Barcarena, Cametá e Igarapé Miri.

Em João Pessoa (PB), os atos acontecem desde esta sexta-feira (27), com o café da manhã dos trabalhadores na Federação dos Trabalhadores na Agricultura, seguida de caminhada até a Superintendência Regional do Trabalho e ato público no Pavilhão do Chá. Em Recife, a partir das 8h30, começa o 1º de Maio na Praça do Derby.

Em Porto Alegre (RS), às 10h, o ato será no Parque da Redenção e começa com apresentações de Nei Lisboa, Raul Ellwanger, Grupo Unamérica e outros artistas.

NO ABC, PRIMEIRO DE MAIO COMEÇA COM PROCISSÃO E MISSA

Metalúrgicos farão ato por democracia e por Lula, e depois seguirão para São Paulo e Curitiba

por Redação RBA 

Na região do ABC paulista, o Sindicato dos Metalúrgicos também fará um ato por democracia e pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que permaneceu três dias na sede da entidade, em São Bernardo do Campo, até rumar para a Polícia Federal, no dia 7. Com uma concentração a partir das 7h, os metalúrgicos farão procissão em homenagem a São José Operário, padroeiro dos trabalhadores, em direção à Igreja Matriz, na região central, onde às 9h será celebrada a Missa do Trabalhador. Segundo a Diocese, haverá coleta de alimentos para famílias de desempregados.

Tanto a praça como a igreja são locais conhecidos dos metalúrgicos. Na greve de 1980, por exemplo, eles fizeram assembleia na própria Matriz, como no próprio 1º de Maio. De lá, a multidão saiu em passeata até o estádio de Vila Euclides. Vários diretores do sindicato, entre eles Lula, estavam presos. A paralisação durou 41 dias.

“A igreja é também um espaço de luta. A missa é um momento de reflexão para os metalúrgicos sobre sua condição enquanto trabalhador e ser humano em busca da superar a opressão”, diz o secretário-geral do sindicato, Aroaldo de Oliveira. Depois da missa, haverá um ato inter-religioso na Praça da Matriz, em frente à igreja, com apresentações artísticas e culturais.

Os metalúrgicos participarão ainda de atos de 1º de Maio na Praça da República em São Paulo, e em Curitiba, onde haverá manifestação unificada de centrais sindicais. “A luta é pelos direitos e pela garantia de um país democrático para nós e nossos filhos. Faremos do 1º de maio um ato político e de fé na democracia e na liberdade”, acrescenta o presidente do sindicato, Wagner Santana, o Wagnão.

PT AMAZONAS FAZ CARREATA SOBRE A PONTE DO RIO NEGRO E CARAVANA DAS ÁGUAS EM IRANDUBA

Produção Afinsophia

Era 07:30 e os carros dos defensores da democracia e da libetdade de Lula Livre iniciaram uma grande carreata sobre a ponte Rio Negro na cidade de Manaus rumo a Iranduba. No lado de Iranduba se concentraram foi gravado um bom dia para o presidente Lula. Neste momento estamos indo iniciar a caravana dad aguas que sairá do porto de Iranduba para a ilha da Paciência. O evento é capitaneado pelo PT e os núcleos de Petrópolis e da cidade de Iranduba com cobertura jornalística e participação da AFIN e seu blog Afinsophia.IMG-20180430-WA0000.jpg

VITIMA RELATA MOMENTOS DE TENSÃO DURANTE A AGRESSÃO AO ACOMPANHAMENTO LULA LIVRE

marcia acampamento marisa letíciaAtentado ao acampamento Marisa Letícia aconteceu na madrugada do sábado (28). Polícia não mantém unidade no local para garantir segurança de manifestantes.

por André Accarini, da CUT

CUT – A advogava Marcia Koakoski, 42 anos, viajou 618 quilômetros de Xangri-Lá, no Rio Grande do Sul, até a capital paranaense, onde planejou ficar três dias no Acampamento Lula Livre. Queria apenas prestar solidariedade ao ex-presidente Lula, preso político desde 7 de abril, trocar experiências de convivência pacífica com aqueles que, como ela, participam de um movimento democrático, em defesa daquilo em que acreditam ser o melhor para futuro do Brasil.

Na madrugada desse sábado (28), foi acordada pelos fascistas que atacaram  a tiros o acampamento Marisa Letícia em Curitiba.

“Acordei à uma e meia da manhã, com uma frenada brusca de carro. Ouvi gritos de ‘Bolsonaro presidente’, e xingamentos aos vigilantes que estavam ali, nos guardando”.

Esses vigilantes, companheiros escalados para fazer a segurança do local, usaram a única forma que dispunham para tentar afugentar os agressores: fogos de artifício, conta  a advogada.

“Mas, nesse momento, um dos agressores ameaçou o companheiro dizendo: ‘vou voltar aqui e vou te matar”, conta.

Naquele momento, apesar da tensão, não havia a expectativa que pudesse haver uma cena de guerra no local. 

“Sentimos o tempo todo, todas as noites, que existia essa tensão, mas as pessoas acabaram relaxando porque toda noite passava alguém gritando palavras de ordem fascistas, sobre Bolsonaro. Acontecia, mas não passava disso”.

E essa madrugada parecia ser igual as outras. Os agressores deixaram o local. Infelizmente, não por muito tempo. Logo depois de um breve período de normalidade, o terror se concretizou.

 “A gente achou que eles tinham ido embora mas, logo depois, começou uma gritaria, com barulhos de fogos e tiros. Eu estava num banheiro químico nessa hora e ouvi as pessoas gritando: ‘tem baleado, tem baleado. E foi nesse momento que ouvi um estouro e um impacto em meu ombro.” Márcia conta que não viu sangue em seu corpo e, por isso, não se preocupou. 

Mas, mais tarde, ela teria a exata noção do perigo que correu. Ela e alguns companheiros voltaram ao banheiro químico para verificar se alguma parte da estrutura do acampamento havia sido danificada, quando constatou um buraco no ‘casco’ do banheiro, que indicava que um projétil havia passado por ali. Márcia olhou ao redor e achou a bala, que estourou na saboneteira e atingiu seu ombro. O projétil foi achado no assoalho. 

“Por pouco, por centímetros mesmo, não fui atingida pela bala. Podia estar internada, ou até em uma situação pior, agora”.

A cena que ela descreve nos momentos após ser atingida é de total desespero das pessoas, vítimas da violência gratuita e repentina dos agressores.

“No acampamento, todo mundo é protetor, amável, solidário. São seres humanos e ninguém merece essa violência”.

O socorro

O SAMU foi acionado, a Polícia Militar também. A advogada (e vítima do tiroteio) Márcia, acredita que o socorro chegou em aproximadamente 20 minutos, mas conta que em uma situação de estresse e desespero, como a vivida por ela e seus companheiros, qualquer minuto é uma eternidade. 

A advogada chegou a falar com oficiais da Polícia Civil e Militar. “Eles foram como são: do jeito deles, um tanto frios. Indicaram que eu fosse à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) para ver se estava tudo bem”. 

Márcia, que prestará depoimento, e fará exame de corpo de delito para as investigações, critica a falta de segurança: “O que me impressiona é que numa situação dessas, onde existe uma zona de conflito, deveria haver ao menos uma guarnição, de polícia, para que seja garantida a segurança e a ordem dos dois lados”. Ela exemplificou com casos como casa noturnas, onde há o risco de confusões, em manifestações de estradas, etc. “Não se pode deixar acontecer um desastre. Tem que ter um efetivo da polícia para evitar”, conclui. 

Crime antecipado 

A advogada explica também que o fato de agressor ter anunciado que voltaria para matar, já caracteriza que houve o crime de ameaça. Mas, tanto ela quando os outros no acampamento, não imaginaram que o agressor realmente votaria e aconteceria toda a tragédia.

E lamenta o momento  que o país vive, onde pessoas que estão em um local  pacificamente para defender aquilo que acredita ser um caminho correto para futuro do Brasil, que é  defender Lula, defender a democracia e lutar contra o golpe dado no Brasil, que derrubou a presidenta eleita Dilma Rousseff, com apoio da mídia e parte do judiciário, e contra a prisão arbitrária e sem provas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sejam agredidas dessa maneira.

SETE CENTRAIS, ARTISTAS PELA DEMOCRACIA E UM PRIMEIRO DE MAIO HISTÓRICO EM CURITIBA

1 de maio Curitiba

Principal ato do país terá Beth Carvalho, Ana Cañas, Maria Gadú e Renegado, e unirá CUT, Força Sindical, CTB, NCST, UGT, CSB e Intersindical em defesa dos direitos e pela liberdade de Lula.

 Pela primeira vez desde a redemocratização do país, as sete maiores centrais sindicais brasileiras farão, este ano, um 1º de Maio unificado. O ato de Curitiba terá como mote “Em Defesa dos Direitos e por Lula Livre”. O que unificou CUT, Força Sindical, CTB, NCST, UGT, CSB e Intersindical foi a defesa da liberdade do ex-presidente Lula, mantido como preso político na sede da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba há 20 dias, e a certeza de que eleição de Lula para presidente da República em outubro é a chance que a classe trabalhadora tem de conseguir resgatar direitos perdidos nos últimos anos.

Os sindicalistas estão também unificados em torno de uma pauta comum de interesse da classe trabalhadora, como uma política econômica de geração de empregos e renda, defesa da seguridade e da Previdência Social pública, o fim da lei do congelamento de gastos e a revogação da reforma Trabalhista. Os presidentes das sete centrais participam do ato, além de representantes de movimentos sociais como MST, MTST, UNE e Central de Movimentos Populares, entre outros integrados pelas frentes Brasil Popular e Povo sem Medo.

Como tem ocorrido desde a instalação do acampamento Lula Livre na capital paraense, a manifestação de terça-feira, a partir das 14h na Praça Santos Andrade (Praça da Democracia), no centro histórico de Curitiba terá um forte ingrediente cultural, com apresentação de artistas conhecidos por ser posicionamento em defesa da democracia, como Beth Carvalho, Ana Cañas, Maria Gadu, o rapper Renegado e muitos artistas locais.

DOCUMENTÁRIO DE CELSO MALDOS: LULA LIVRE – PRIMEIRO DE MAIO DE 1986/2018


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,193,481 hits

Páginas

Arquivos

Anúncios