PORTAL FORUM: LIDERANÇA INDÍGENA É ESPANCADA ATÉ A MORTE EM LITORAL DE SANTA CATARINA

Por Victor Pires, do ISA

O ano de 2018 tem início com uma notícia brutal. Nas primeiras horas do ano novo, o professor Marcondes Namblá, do povo Xokleng, foi espancado a pauladas no município de Penha, litoral de Santa Catarina. Depois de dois dias internado, Namblá não resistiu aos ferimentos e faleceu. Ele, que era formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), vivia na Terra Indígena Ibirama-La Klãnõ, no município de José Boiteux (SC). Namblá deixa esposa e cinco filhos.

A polícia identificou o assassino. Gilmar César de Lima, de 22 anos, teve a prisão preventiva decretada ontem (4/1) após representação da Polícia Civil do estado. O assassino estava com um mandado de prisão em aberto por tentativa de homicídio na cidade de Gaspar (SC) e já teve passagem pela prisão. O criminoso ainda está foragido.

“A gente entrou em choque quando soubemos mesmo o que aconteceu, que ele tinha sido espancado de uma forma tão brutal que chegou a ter traumatismo craniano”, lembra Ana Patté, amiga de Namblá e moradora da TI Ibirama-La Klãnõ. A família e os amigos receberam, inicialmente, a notícia de que Marcondes havia sido atropelado. Ele tinha ido a Penha com outros 12 indígenas com o objetivo de complementar a renda vendendo picolés na praia.

“A finalização do processo de regularização fundiária da TI Ibirama-La Klãnõ está no Judiciário há anos. Enquanto isso, os Xokleng vivenciam inúmeras agressões por parte da sociedade envolvente, além de grande discriminação”, destaca Juliana de Paula Batista, advogada do ISA. O Alto Vale do Itajaí, onde está localizada a TI, é visto como um lugar de colonização europeia, não como “lugar de índio”, lembra a advogada. “Grande injustiça contra esse povo que habita secularmente a Mata Atlântica da região”.

O delegado Douglas Teixeira Barroco, responsável pelo caso, não acredita na hipótese de que o assassinato tenha tido motivações étnicas. “A princípio a motivação foi por motivo de algum desentendimento, um negócio banal. Depois do ocorrido ele [o assassino] até falou com populares. A princípio o Marcondes teria mexido com o cachorro dele”, diz o delegado. Em um vídeo do momento do crime, o assassino aparece acompanhado de um cachorro. A hipótese da polícia é de que o cachorro tenha avançado em Marcondes, o que gerou uma discussão com o assassino.

“Tiraram nossas terras, nossas histórias, nossos alimentos, nossas matas, e tiram nossas vidas. A gente luta para que isso não fique impune e que não ocorra com mais indígenas, não só no sul do país, mas no Brasil inteiro”, diz Ana Patté.

Ela lembra de casos recentes de violência contra os indígenas no estado de Santa Catarina, como o assassinato de Vitor Kaingang, de apenas dois anos, degolado no colo da mãe na cidade de Imbituba, em dezembro de 2015, e a situação de tensão e ameaças crescentes vividas pelo povo Guarani da Terra Indígena Morro dos Cavalos, no município de Palhoça, na região metropolitana de Florianópolis. Saiba mais: http://isa.to/2irZyh9

Marcondes lutava pela preservação da cultura Xokleng

“O Marcondes, desde jovem, foi uma das principais lideranças [da TI Ibirama-La Klãnõ], independente da função ou da posição”, lembra Nanbla Grakan, primo e professor da vítima no curso de Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica da UFSC. Um dos principais trabalhos de Marcondes como professor era a revitalização da língua e da cultura Xokleng La Klãnõ na escola indígena de educação básica. Além disso, ele ocupava outra função importante, de juiz, uma das autoridades máximas dentro da TI.

Grakan lamenta outra perda com a morte de Marcondes Namblá. Ele e o primo tinham o projeto de criar uma Academia de Letras da Língua Xokleng com o objetivo de ampliar os registros da língua, cujo número de falantes diminuiu bastante nos últimos vinte anos. Grakan é pioneiro no estudo da língua Xokleng que, até os anos 1990 e o trabalho do professor, era ágrafa.

A partir de 1992, por iniciativa de Grakan, o ensino da língua passou a ser incorporado nas escolas da TI Ibirama-La Klãnõ. Ele ainda não sabe como vai continuar a tocar o projeto sem a ajuda do primo, que tinha planos de fazer o mestrado na área de linguística e já era um dos principais estudiosos da língua e da cultura Xokleng. Saiba mais sobre o povo Xokleng.

“Ele era um grande ativista, um grande lutador e amigo de todos. Ele era um amigo para todas as horas”, recorda Ana Patté, que também foi colega de Marcondes na UFSC. Leia a nota de pesar do Núcleo de Estudos de Povos Indígenas (NEPI) da UFSC e a do curso de Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica.

Assista ao vídeo em homenagem a Marcondes.

Foto: Luiz Fernando Ne-gatxá Patté

Anúncios

0 Responses to “PORTAL FORUM: LIDERANÇA INDÍGENA É ESPANCADA ATÉ A MORTE EM LITORAL DE SANTA CATARINA”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,112,824 hits

Páginas

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: