‘VIVEMOS UM CLIMA MAIS PESADO DO QUE EM 1964’, DIZ ROBERTO AMARAL

BALCÃO DE NEGÓCIOS

Temer receber quase 50 deputados para negociar voto contra denúncia é apenas um dos aspectos que mostram “putrefação da política brasileira”, diz cientista político. Para diretor do Diap, presidente deve se livrar com certa facilidade

por Eduardo Maretti, da RBA.
 
                                                                             BETO BARATA / PR
temer em reuniao 3out.jpg

Temer justifica o balcão de negócios: “Bom dia! Tenho o dia cheio de reuniões com parlamentares”

São Paulo – A agenda do presidente Michel Temer hoje (3) trouxe uma sequência impressionante de reuniões com 45 deputados, a imensa maioria do chamado baixo clero, com os quais negocia o voto que darão no momento em que decidirem no plenário a segunda denúncia do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot. No Twitter, Temer justifica o balcão de negócios com naturalidade. “Bom dia! Tenho o dia cheio de reuniões com parlamentares. O diálogo é fundamental para a harmonia entres os poderes. Vou conversar com representantes de todos os partidos da base, de todas as regiões do Brasil. É uma rotina que sempre mantive”, escreveu.

O cientista político Roberto Amaral, ex-presidente do PSB histórico, considera esse um exemplo “gravíssimo” da situação do país. Mas situa as negociações de Temer num contexto mais dramático e amplo. Para ele, ninguém tem dúvida de que o Congresso vai rejeitar a segunda denúncia de Janot, por organização criminosa e obstrução à Justiça. Inclusive porque, no atual contexto, as instituições não só não atuam, como são cúmplices.

“As instituições estão nisso também. Um dos responsáveis por tudo o que está ocorrendo é o poder Judiciário. A começar pelo STF, e juízes que não julgam, juízes que passam o tempo viajando, os que privilegiam questões políticas em detrimento do Direito”, diz. O ambiente do país é hoje ilustrado pelo chocante caso do suicídio do reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Luiz Carlos Cancellier de Olivo, após ter sido preso. Para Amaral, “vivemos um clima mais pesado do que o clima de 1964. E as pessoas achando que a ordem normal das coisas continua”.

Além do Judiciário, começando pela “mais alta corte do país”, a cumplicidade com o atual estado de coisas passa pela imprensa, em sua opinião. “Os tribunais acham normal o balcão em que a presidência da República se transformou. Isso é um escândalo. Temer negocia abertamente e a imprensa também acha normal.”

Amaral menciona o fato de empresários anunciarem que vão gastar dinheiro nas eleições para eleger os seus quadros. “São contra o financiamento público porque têm essa máquina. Isso é crime, é inconstitucional, abuso de poder econômico, mas é festejado. Também é normal um assessor de Temer (Rocha Loures) correndo com uma mala com milhares de reais e o ex-ministro Geddel (Vieira Lima) com um bunker em Salvador onde guardava R$ 50 milhões. Tudo é normal no Brasil. De outro lado, um Congresso sem legitimidade que não representa a vontade nacional.”

O analista político Antônio Augusto Queiroz, diretor do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), avalia que Temer deve conseguir se livrar da segunda denúncia com certa facilidade. “Ele recebe o maior número de deputados para se cercar das garantias de que conseguirá atingir os 172 votos, por omissão, ausência, abstenção ou voto a favor no dia da votação. Atingir esse número de votos é fácil. Só a Dilma, que não dialogou com ninguém, não conseguiu.” O caso da segunda denúncia está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas toda a movimentação do presidente da República obviamente mira o plenário.

Em relação à votação da primeira denúncia, quando Temer venceu por 263 a 227 votos, Queiroz acredita que dificilmente o presidente conseguirá votação maior, mas terá número suficiente “para salvar a ele mesmo e os dois ministros envolvidos nas denúncias (Moreira Franco, da Secretaria Geral, e Eliseu Padilha, da Casa Civil)”.

Na opinião do analista, os deputados dispostos a trocar o voto por algum tipo de favor “se prestam a esse tipo de atitude mesmo contrariando o eleitor”, mas usam a situação também pensando em 2018. “Eles vão para a eleição sem financiamento empresarial de campanha. Qualquer vantagem que possam conseguir do governo, seja liberando emendas, seja garantindo cargo nos estados, para eles é um incremento para ajudar na eleição.”

Para Amaral, o balcão de negócios é claro, mas muitos deputados têm até consciência de que não vão se reeleger. “Está claro que metade sabe que não vai retornar, então é o momento dos negócios. É um momento da putrefação da política brasileira.”

Temer não se reúne apenas com deputados. Na segunda-feira (2), ele recebeu o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, oficialmente para negociar verbas para obras do Rodoanel paulista. Após o encontro, Alckmin se manifestou conforme roteiro do Palácio do Planalto. “Eu acho pouco provável que (a segunda denúncia) prospere, porque já na primeira denúncia não prosperou”, disse. O voto do relator, do mesmo partido de Alckmin, deputado Bonifácio Andrada (PSDB-MG), será favorável a Temer. 

Anúncios

0 Responses to “‘VIVEMOS UM CLIMA MAIS PESADO DO QUE EM 1964’, DIZ ROBERTO AMARAL”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,068,994 hits

Páginas


%d blogueiros gostam disto: