KAKAY: TRIBUNAL POPULAR QUER ESCLARECER A SOCIEDADE SOBRE EXCESSOS DA LAVA JATO

Advogado criminalista participa da júri sobre operação e seus “muitos” excessos, de acordo com ele, como abuso de prisões preventivas, espetacularização do Direito Penal e criminalização da política
por Eduardo Maretti, da RBA 
 

“Quero o enfrentamento da corrupção, mas dentro do devido processo legal e respeito às garantias individuais”

São Paulo – Nesta sexta-feira (11), o Coletivo Advogadas e Advogados pela Democracia (CAAD) e a Frente Brasil de Juristas pela Democracia promovem o Tribunal Popular, para julgar a operação Lava Jato. O júri será realizado em Curitiba.

O responsável pela defesa da Lava Jato será o advogado criminalista Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay. Ex-ministro da Justiça de Dilma Rousseff, Eugênio Aragão desempenha o papel da acusação. O juiz de direito em Alagoas Marcelo Tadeu Lemos preside a sessão.

Lemos é objeto de uma sindicância aberta pela Corregedoria Geral de Justiça do Estado de Alagoas por participar do evento. O procurador da República Alexandre Schneider, de Bento Gonçalves (RS), enviou ao Ministério Público Federal (MPF) do Paraná um aviso sobre o simulado, que teria o objetivo de “achincalhar” o Judiciário.

Participam do julgamento os juristas Marcello Lavenère, a professora Vera Karam de Chueiri, diretora da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná, e o jornalista Fernando Morais, entre outros.

À RBA, Kakay falou sobre o significado do júri, algo “absolutamente comum no meio jurídico”. Segundo ele, embora o “simulado” tenha um significado simbólico, ele se reveste de grande importância por trazer à discussão os excessos da Lava Jato. Apesar de defender a operação que “desnudou um sistema de corrupção capilarizado”, Kakay diz que ela é permeada por muitos excessos, que têm de ser “obrigatoriamente apontados para a sociedade saber”.

Qual a importância desse julgamento. É simbólica?

É uma importância simbólica. É absolutamente comum no meio jurídico que a gente faça tribunais simulados, júris simulados, quando tem um assunto importante em voga. Quando teve o massacre dos trabalhadores sem terra no Pará (Eldorado do Carajás, em 1996) muito tempo atrás foi feito um júri simulado no Congresso Nacional, eu era advogado do Estado do Pará, o presidente do júri foi o José Saramago. A importância é poder trazer à discussão os excessos de uma operação que é vista de uma forma, às vezes, parcial, pela sociedade. É trazer à discussão, essa é a importância.

Não é irônico que o senhor, que é um crítico da Lava Jato, faça o papel da defesa?

Mas vou fazer uma tese interessante. Tenho duas teses muito interessantes.

Pode adiantar alguma coisa?

(Risos) Não, não, não. O sucesso da tese é saber levar isso como segredo. Eu sou um cara que elogia muito as vantagens da Lava Jato. Eu sou um crítico dos excessos.

Quais os principais excessos?

São muitos. Excesso de prisão preventiva, espetacularização do Direito Penal, a criminalização da política, a criminalização até do advogado, as delações que são feitas, no meu ponto de vista, de formas não corretas, e seguramente vamos começar a ver agora várias delações serem denunciadas pela falta de critério. Tudo isso são excessos que têm que ser enfrentados e discutidos pela sociedade.

E o tribunal tem esse papel de esclarecer a sociedade…

Tem esse papel de provocar a discussão, de chamar a atenção. Evidentemente é um júri simulado, mas com pessoas que vivenciam o dia a dia desse momento punitivo que o Brasil passa. Eu acho que é importantíssimo ter essa discussão.

O que espera da Lava Jato?

A Lava Jato é uma operação que tem uma importância fundamental, importantíssima, que desnudou um sistema de corrupção capilarizado, como ninguém nunca podia imaginar. Agora, esse enfrentamento podia ter sido feito sem os excessos. Eu quero o enfrentamento. Não permito que ninguém, nenhum procurador da República, nenhum juiz, nenhum delegado diga que quer o enfrentamento de corrupção mais do que eu. Mas eu quero dentro do devido processo legal e respeito às garantias individuais. Se você tem excessos, eles têm que ser obrigatoriamente apontados para a sociedade saber.

Anúncios

0 Responses to “KAKAY: TRIBUNAL POPULAR QUER ESCLARECER A SOCIEDADE SOBRE EXCESSOS DA LAVA JATO”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Leitores Intempestivos

Anônimo em CARIMBÓ “RAIO DE SOL…
Ana Otoni em LULA: “NÃO DESCANSAREI E…
Papai Nelson Noel em LULA: “VOLTAMOS AO MAPA…
Jaelson Castro em VIOMUNDO – EXCLUSIVO: MA…
Ana Otoni em LULA: “VOLTAMOS AO MAPA…

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,017,764 hits

Páginas

agosto 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

%d blogueiros gostam disto: