Arquivo para 8 de julho de 2017

TEMER O INVISÍVEL “ESQUISITÃO” PARA TRUMP

Produção Afinsophia.

A sabedoria popular diz: Quem muito fala se si tenta esconder sua insignificância. Ou, como diz Chico Piraíba: Falar de si é falar de nada. Temer, uma figura que há muito mostra que nada pode falar de si que reflita interesse coletivo, mais ainda sendo um pobre golpista, nos últimos dias, diante de sua derrocada fatal, vem querendo se auto-elogiar buscando engabelar os incautos. Triste empresa: para seus desgoverno não há mais incautos.

  Depois da dança espectral do vai não vai ao G20, ele foi e não foi. Foi não indo: afirmou que tem trabalhado para aumentar o desemprego. Ele não foi: vídeo o mostra zumbizando pelo salão hamburguense sem ser notado por viva alma. Se não fosse do outro mundo, diria-se que se tratava de um espetáculo deprimente. Mas, como trata-se de coisas de outra esfera transmortal, não se pode fazer qualquer consideração. Aos zumbis os seus zumbidos.

  Tentando criar uma situação em que ele mesmo acreditasse em si, afirmou que falara com Trump sugerindo para ele “aproximar empresários brasileiros e americanos para gerar novos negócios”, e que o presidente ianque havia dito que “gostou da ideia”. Fantasia pura para provocar por si mesmo  auto-elogio, já que ninguém do G20 lhe deu qualquer pelota. Por isso, voltou para onde não saiu: o trono golpeado.

   Para provar a invisibilidade de Temer, o ianque Trump, depois que sentiu aquela névoa roçar em si, perguntou ao seus assessor:

      – Quem era aquele senhor esquisitão”.

   Como diz o sábio Cheidepira:  A pior desgraça para uma alma vaidosa é saber que até sua vaidade escapou dela, porque nenhuma alma ambiciosa existe sem vaidade”.  

Anúncios

QUEM É RODRIGO MAIA, O SUCESSOR DE TEMER, TEXTO DE RENATO ROVAI E FREDI VASCONCELOS, NO PORTAL FORUM

Rodrigo Maia (DEM-RJ), filho do ex-prefeito do Rio de Janeiro, César Maia, já é considerado na bolsa de apostas de Brasília como futuro presidente da República. Apesar de dar sinais de que continua na base de apoio de Michel Temer, sua agenda já não é a mesma. E seus amigos mais próximos já começam a plantar notas na imprensa alimentando especulações de como seria seu governo.

Entre outras dessas “plantações” surgem sinais trocados do tipo. Como presidente, Maia manteria a dupla Henrique Meirelles (Fazenda) e Dyogo Oliveira (Planejamento) pra sinalizar que a política econômica continuaria a mesma. Ou exatamente o contrário, que Maia não gosta de Meirelles e que o seu sonho de consumo para liderar a área econômica seria Armínio Fraga, que chegou a ser anunciado por Aécio como seu ministro da Fazenda caso ganhasse a eleição de 2014.

Muito se tem falado sobre o futuro governo do filho de César Maia. Quase nada está sendo dito sobre sua biografia.A despeito de estar no seu quinto mandato como deputado federal, Maia nunca foi um parlamentar de destaque e muito menos um político com muitos votos.Em 2012, por exemplo, tentou ser prefeito do Rio de Janeiro e teve 3% dos votos.

Isso não significa, porém, que ele não tenha uma história. E ela não é exatamente feita de grandes feitos. Ao contrário, é repleta de envolvimentos em denúncias semelhantes as que estão levando Michel Temer ao impeachment.

Maia, por exemplo, foi denunciado ao Supremo Tribunal Federal (STF) por recebimento de dinheiro ilegal por ser apontado como Botafogo (time que torce) na planilha do departamento de propinas da construtora Odebrecht. Lá há uma anotação de que ele recebeu recursos da ordem de R$ 1 milhão por caixa dois nas eleições de 2008, 2010 e 2012.Na delação de diretores de outra construtora, a OAS, Maia também é acusado de ter recebido propina. Em inquérito da Polícia Federal, ele é apontado como tendo defendido interesses da empreiteira no Congresso, entre 2013 e 2014, em troca de dinheiro para campanha.

O próprio Jornal Nacional, da TV Globo, que hoje faz campanha aberta para que ele assuma no lugar de Temer, revelou que a PF não tem dúvida da “atuação clara, constante e direta” de Maia na defesa de interesses da OAS no Congresso Nacional. Um trecho do relatório é contundente: “com base em toda a prova colhida no decorrer da presente investigação, logrou-se êxito em confirmar integralmente a hipótese inicial aventada, qual seja, a de que o deputado federal Rodrigo Maia efetivamente praticou diversos atos na defesa de interesses da Construtora OAS, durante os anos de 2013 e 2014, tendo, em contrapartida, solicitado doações eleitorais ao presidente da pessoa jurídica, José Aldemário Pinheiro Filho [Léo Pinheiro]”. No telefone do presidente da OAS foram identificadas mensagens de Maia que apontavam o caminho das propinas de R$ 1 milhão ao deputado.

Outro episódio, mais antigo, é a inclusão de Maia na Lista de Furnas, estatal de geração de energia e que teria uma “caixinha” mantida por fornecedores para caixa dois de campanhas eleitorais. No esquema, em que a estrela é o senador Aécio Neves (PSDB-MG), Maia aparece junto dos nomes do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e do candidato à época à presidência da República, José Serra.

Neste episódio, Maia que disputava reeleição para deputado federal em 2002 teria recebido R$ 100 mil, a valores de 2002 (veja reprodução da lista abaixo).

Outra acusação ao deputado é em relação ao “mensalão do DEM”, em que acabou cassado e preso o então governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda. O delator do caso, o ex-funcionário do governo Durval Barbosa, afirmou que Rodrigo Maia era um dos beneficiários do esquema. “O acerto do Rodrigo era direto com o Arruda”, disse o autor de vídeos que levaram queda do governador.

Ou seja, o filho de César que hoje é tratado como a bola da vez para comandar o país está longe de ser alguém com reputação ilibada ou currículo invejável. Pelo contrário, é um político tradicional com inúmeras acusações. E que não fosse o nível do Congresso atual não teria qualquer chance de comandar a Casa. E mais do que isso, se não estivesse no cargo que está provavelmente nem se reelegeria para um novo mandato por conta das muitas acusações em que se envolveu nos últimos anos.
(Foto: Alex Ferreira/Câmara dos Deputados)

HAMBURGO: 100 MIL MANIFESTANTES CONTRA O G20, CARTA MAIOR

esquerda.net

 
.

A manifestação desta sexta-feira tem como lemas: “Bem-vindos ao inferno” e “destruir o G20”.
 
Mais de 170 organizações anti-capitalismo e anti-globalização estão nas ruas de Hamburgo em diversas manifestações que tentam bloquear e atrasar a realização da cimeira do G20.
 
São cerca de 100 mil pessoas, oriundas de toda a Europa que estão organizadas em blocos de manifestantes tentando afectar a zona de segurança – zona vermelha – criada pelas autoridades alemãs.
 
Os manifestantes contestam as maiores economias do mundo que têm falhado na resolução de vários problemas — o que ameaça a paz mundial.

 

A manifestação está a ter continuação na praça Millerntorplatz,  situada a apenas 300 metros do centro de congressos onde se reunirá o G20.
 
Em confrência de imprensa dada pela plataforma das organizações BlockG20, os bloqueios da manhã de hoje contabilizaram 120 detidos pela polícia de Hamburgo e 14 feridos que deram entrada nos hospitais da cidade.
 

Manifestantes na praça Millerntorplatz, Hamburgo, 7 de julho de 2017 - Foto de Frederico Carreiro
Manifestantes na praça Millerntorplatz, Hamburgo, 7 de julho de 2017 – Foto de Frederico Carreiro

A concentração marcada para a Millerntorplatz está a engrossar com a presença de muitos manifestantes das diferentes organizações.
 

Praça Millerntorplatz, Hamburgo, 7 de julho de 2017 - Foto de Frederico Carreiro
Praça Millerntorplatz, Hamburgo, 7 de julho de 2017 – Foto de Frederico Carreiro

LULA ESTARÁ NO DIA 10 EM BELÔ PARA O LANÇAMENTO DA SEGUNDA FASE DO MEMORIAL DA DEMOCRACIA

Veja e escute o vídeo em que Lula explica o que é o Memorial da Democracia.

STF DETERMINA NOVAS ELEIÇÕES PARA GOVERNADOR DO AMAZONAS, DO JUSTIFICANDO

STF determina novas eleições para governador do Amazonas

Nesta quinta-feira (6), o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), acolheu pedido de reconsideração formulado pela Coligação “Renovação e Experiência” e manteve a realização das eleições suplementares para governador e vice-governador do Amazonas, que haviam sido determinadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), marcadas para o dia 6 de agosto. Isso quer dizer que até o momento, os amazonenses vão às urnas no próximo mês decidir quem será o novo chefe do executivo do estado até 2018.

O governador eleito, José Melo (PROS), e o vice, Henrique Oliveira (SD), tiveram o mandato cassado em maio deste ano por suposta utilização de empresas fantasmas como laranjas para o recebimento de um milhão de reais, os quais segundo a acusação foram usados na compra de votos nas eleições de 2014. Quem assumiu o governo do estado após a cassação foi David de Almeida (PSD-AM).

A decisão do ministro foi tomada após agravo regimental no qual a coligação pediu a reconsideração da decisão do ministro Ricardo Lewandowski, tomada no último dia 28 de junho, que suspendeu a realização de novas eleições enquanto não fosse concluído pelo TSE o julgamento de embargos de declaração apresentados pelo governador e seu vice. 

Houve um agravo regimental para reconsideração da decisão e, tendo em vista que a ministra Cármen Lúcia se declarou suspeita para o julgamento e o ministro Dias Toffoli estava em viagem, coube ao decano ministro Celso de Mello analisar o pedido. 

O ministro ressaltou que os advogados disseram que iriam ingressar com um recurso extraordinário para contestar a cassação determinada no TSE, mas que antes precisavam de um efeito suspensivo na decisão. Mello avaliou que não houve o ingresso da ação extraordinária, mas que, ainda assim, há a súmula 634 do STF, que dispõe sobre a inviabilidade de concessão de efeito suspensivo a recursos ainda não interpostos na corte. Assim, o ministro revogou a liminar concedida anteriormente, restaurando a decisão do TSE, “viabilizando-se, desse modo, a regular continuidade do procedimento das eleições suplementares no Estado do Amazonas”.

Ao Justificando, a advogada especialista em Direito Eleitoral Paula Bernardelli avaliou que a decisão de Celso de Mello foi correta, mas nada impede que ela seja reformada e que o Estado, então, não passe por novas eleições. Em outras palavras, é dizer que nada está definido, embora no momento atual a eleição seja mais previsível – “a decisão me parece processualmente adequada. No entanto, alimenta  o clima de instabilidade política por criar um cenário que demonstra que a qualquer momento uma nova decisão do judiciário pode alterar tudo – como efetivamente pode”.

Caso do Amazonas acende debate sobre eleições diretas/indiretas

Além disso, Paula explicou que a questão jurídica para as eleições giram em torna da dualidade entre eleições diretas, ou seja, realizadas pelo povo ou indiretas, cujos votos são dos deputados estaduais para escolha do novo(a) governador(a) do Amazonas.

As eleições diretas foram previstas como possibilidade para cassação nos últimos anos de mandato na mini reforma do Código Eleitoral em 2015 –“com a mini reforma eleitoral de 2015 foram incluídos no Código Eleitoral dois parágrafos no artigo 224 que estabelecem que em caso de cassação de chapa eleita sempre serão realizadas novas eleições diretas, exceto nos últimos 6 meses de mandato. Ou seja, no caso de um governador eleito em 2014, caso a chapa fosse cassada até a metade de 2018 (quando teria no máximo 3 anos e meio de mandato), deveriam ocorrer eleições suplementares”.

De outro lado, Paula explica que quem defende a eleição indireta se ampara no artigo da Constituição que fala sobre vacância no cargo. No entanto, ao analisar o caso concreto, a especialista não vê contradição entre os artigos de lei, pois entende que o que se discute é a nulidade da eleição, ou seja, um caso alinhado ao que dispõe o Código Eleitoral. 

“Se o tribunal entende por uma nulidade das próprias eleições feitas para ocupação dos cargos, é porque há uma nulidade originária no preenchimento, a nulidade originária, embora não tenha como excluir do mundo real os efeitos gerados pela ocupação indevida daquele cargo, tem como regra a não produção de efeitos jurídicos. Assim, não haveria como declarar vago um cargo que sequer foi ocupado de forma adequada, sendo perfeitamente possível a realização de eleições diretas”,  avaliou.

Além disso, Paula argumenta que as eleições diretas no contexto político atual de crise de representatividade, aliada à eleição com nulidade por compra de votos é o passo mais democrático e legítimo a ser tomado – “no caso de identificação pela justiça eleitoral de uma fraude ou abuso que macularam as eleições, parece mais razoável permitir que os eleitores optem por quem irá governá-los, mais democrático e mais legítima essa decisão – que, como disse, considero constitucionalmente possível – que a ideia de pedir ao Poder Legislativo – alvo da mesma crise de representatividade que afeta hoje toda a política, decidir por voto indireto o novo Governador”, afirmou a advogada. 

Entretanto, segundo ela essa polêmica somente será efetivamente respondida pelos tribunais quando o Supremo julgar a ação direta de inconstitucionalidade que questiona a constitucionalidade do artigo eleitoral que determina a realização de eleições diretas. “Independente do que se decida, seja pela sua constitucionalidade (que me parece correta e mais democrática) ou por sua inconstitucionalidade, trará a segurança de estabilizar situações como essa e permitir que os envolvidos saibam previamente o que irá acontecer, ao menos até que o posicionamento mude”, concluiu.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,069,687 hits

Páginas