Arquivo de julho \31\UTC 2015

DILMA SE REÚNE COM GOVERNADORES PARA ANALISAR O QUADRO ECONÔMICO, TRAÇAR METAS E DUSCUTIR PROPOSTASQUE BENEFICIEM A POPULAÇÃO

17542343A presidenta Dilma Vana Roussef reuniu com os governadores dos estados brasileiros para analisar a situação econômica do país e traçar metas e propostas para beneficiar a população. A presidenta iniciou a reunião mostrando os fatores responsáveis pela queda na arrecadação e na redução das receitas nos estados e na União. Segundo a presidenta, a queda no preço das commodities e o aumento do dólar influenciaram nos preços e na inflação. Ela também frisou os contingenciamentos que o governo foi obrigado a realizar com o objetivo de levar o Brasil novamente ao crescimento e geração de empregos. Falou da importância de estabelecer parcerias, enfrentar problemas juntos e cooperações.

“Esse Brasil passou a exigir muito dos governos, das empresas, dos hospitais, das escolas, da polícia, da Justiça e de si mesmo. Nesse novo Brasil nenhum governante pode se acomodar. Muita coisa sabemos que precisa melhorar, principalmente porque sabemos que nosso povo está sofrendo, e quando sabemos isso, muita coisa tem que melhorar.

Nós devemos cooperar cada vez mais, independentemente de nossas afinidades políticas. A cooperação federativa é uma exigência constitucional, uma exigência da forma como nós organizamos o Estado e a sociedade brasileira. Nós também devemos respeitar a democracia, devemos somar forças e trabalhar para melhor atender a população.

Nós temos a humildade para receber críticas e sugestões e temos todo interesse na cooperação. Eu queria dizer aos senhores que eu, pessoalmente, sei suportar pressão e até injustiça. Isso é algo que qualquer governante tem que se capacitar e saber que faz parte de sua atuação

Eu tenho o ouvido aberto e também o coração para saber que o Brasil se desenvolveu e não se acomoda. É aquele Brasil que não se satisfaz com pouco, que sempre quer mais. É esse o Brasil que nós queremos cada vez mais, desenvolvido, crescendo cada vez mais.

Tudo isso não é desculpa para ninguém: é o fato de nós, como governantes, não podemos nos dar o luxo de ignorar a realidade. Fomos obrigados, diante dos fatos, a promover o reequilíbrio do Orçamento. Estamos fazendo esforço grande.

Não nego as dificuldades, mas afirmo que o governo federal tem todas as condições de enfrentar as dificuldades, os desafios, e em prazo bem mais curto de que alguns pensam, assistir à retomada da economia brasileira.

Queremos construir parcerias em novo ciclo de desenvolvimento. O governo federal e os governadores têm um grande patrimônio em comum: fomos eleitos em um processo democrático bastante amplo no país.

Todos nós temos deveres em relação à democracia, ao voto democrático popular. Fomos eleitos na última e maior mobilização democrática e, nessas eleições, assumimos compromissos perante o país e nossos eleitores. Esses compromissos expressos no plano de governo dão um quadro que temos de desenvolver com todas as ações, iniciativas e projetos, realizando esses compromissos no horizonte, no marco e ao logo de nosso período de governo de quatro anos – até 2018!”, discursou Dilma.

Um até 2018 que deixou as direitas mais biliosas, já que elas em seus delírios golpistas acreditam que vão colocar Dilma para fora do governo eleito pela maioria do povo brasileiro.

Dilma é uma mulher insigne, tem grandeza, superioridade, é possível que algum curtidor desejasse que ele dissesse: “Até 2018, com Lula eleito novamente presidente do Brasil!”

Embora ela não tenha proferido tal desejo, mas é isso que os democratas querem para enfraquecer o ódio e a invejas das direitas que conspiram continuamente contra a democracia.

‘MORAL DA GANGUE’ É COMO ADJETIVA OS ADVOGADOS DE JÚLIO CAMARGO OS MEMBROS DA CPI DA PETROBRÁS INFLUENCIADA POR EDUARDO CUNHA

images-cms-image-000448539Desde que o consultor Júlio Camargo afirmou em delação premiada que entregou na mão de Eduardo Cunha (PMDB/RJ), presidente da Câmara Federal a ‘irrisória’ quantia de US$ 5 milhões de propina, o simulador da moral parlamentar nunca mais foi o mesmo. Apesar de ter dezenas de processos nas robustas costas.

Depois da divulgação do achaque realizado por ele para agasalhar os dólares, o ‘santo’ da moralina, tem feito de tudo para mudar o real, apesar de o real só fingir ser mudado pela fantasia. Ameaçou o governo Dilma, brigou com semelhantes, destrambelhou com a destrambelhada imprensa, entre outras atuações de que se confirma no olho do furacão. E um de seus ataques é Júlio Camargo. Eduardo Cunha que de todas as formas que a delação sega anulada. Ou seja, mudar o real para o irreal, que vinha prevalecendo, prevaleça.

Diante das ameaças os advogados de Júlio Camargo divulgaram nota mostrando o que Eduardo Cunha tem provocado contra seu cliente. Entre os recursos ameaçantes, que eles chamam de ‘moral da gangue’, encontra-se o uso da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobrás como forma de ameaça ao cliente e os parentes dele.

Para evidenciar mais ainda as ameaças, um jornal de São Paulo publicou que Eduardo Cunha tem interferido na CPI da Petrobrás para que seus membros façam pressão sobre Júlio Camargo. Como era de se esperar, ele nega.

Leia as declarações no documento dos advogados

“As reações dos investigados contra o colaborador ocorrem em várias instâncias informais, que vão desde a maledicência à calúnia descarada e formais com uso da Comissão Parlamentar de Inquérito da Petrobrás para desencorajar e desacreditar a colaboração prestada por Camargo, está em vigo a ‘moral da gangue’ que acredita por triunfar pela vingança, intimidação e corrupção.

Ameaçam o Poder Judiciário e o colaborador com ‘um troco’ cientes do poder econômico e político que desfrutam deixam no ar um lembrete – “Hoje investigado, amanhã faço a lei, basta ver o que a CPI tem tomado uma série de medidas para desmoralizar a investigação, convocando familiares de colaboradores e pedindo a quebra de seus sigilos bancários e fiscais além de medidas de coação contra Delegados Federais a lógica da gangue continua vigorando: intimidação e corrupção”, diz o documento.

PARA O ECONOMISTA MÁRCIO POCHMANN OS DETENTORES DO CAPITAL E ALGUNS CONGRESSISTAS NÂO QUEREM CONTRIBUIR PARA RESOLVER OS PROBLEMAS ECONÔMICOS E SOCIAIS

images_cms-image-000448353Como qualquer ingênuo político, ou mesmo analfabeto político, sabe os problemas econômicos e sociais de uma sociedade além de não ser produto exclusivo dessa sociedade também não podem ser resolvidos somente pelos governos, já que os governos apenas administram as coisas públicas. Eles não produzem economia, a não ser, quando é o caso, quando esses países também administram empresas estatais, como no caso do Brasil, a Petrobrás.

Nesse sentido quando um país experimenta momentos de angústias econômicas e sociais, principalmente econômicas, cabe àqueles que são os responsáveis diretos pela produção de valores econômicos também se comprometerem nas buscas de soluções juntamente com os governos por trata-se de um tema de interesse claramente desse seguimento. O mesmo deve ocorrer com os representantes do Congresso Nacional pelos mesmos serem os responsáveis pelos interesses da população como fator político.

Todavia, não é essa consciência que predomina nos dois representantes que por motivos próprio de classes se afastam do comprometimento. O economista Márcio Pochmann fala sobre esse tema mostrando que os representantes do capital não pretendem participar da construção de solução ao negarem uma reforma tributária que obrigue esses representantes do capital a pagar mais impostos.

“A economia mundial continua extremamente frágil e o Brasil foi resistindo por mais tempo possível nessa tentativa das políticas anticíclicas. Só que isso acabou levando a uma incapacidade de o país continuar nesse rumo sem que fizesse reformas mais profundas, como é o caso de angariar recursos para o Estado através de uma reforma tributária que onerasse mais os ricos, os poderosos. E isso se tornou difícil e um problema político porque os que mandam no país não aceitam pagar mais impostos.

O país vive uma luta política em que o Estado tenta se organizar, mas há de certa maneira um bloqueio que vem dos ricos, que não aceitam fazer sua contribuição, e isso acaba sendo feito pelos mais pobres e pela parte produtiva e não financeira. O setor financeiro opera com taxa de juros extremamente elevada com ganhos extraordinários. Esse é o problema politico do Brasil, é como enfrentar aqueles que se protegem e que mandam no país, em um momento difícil em que a política tem ajudado muito pouco nesse enfrentamento.

O sofrimento da Nação hoje, principalmente os mais pobres, deve-se a ausência de uma maioria política que possa enxergar no país um outro caminho. Vamos lembrar, por exemplo, que o Brasil é um país em que 86% de sua população vivem nas cidades. Os problemas do país são urbanos, é o transporte, saúde e educação, no entanto, entre os eleitores em 2014, a maior bancada parlamentar é formada por ruralistas. Quer dizer, os que estão no Congresso representam interesses do campo e não das cidades. E os interesses das cidades não reverberam ou se transforma em iniciativas que possam ter encaminhamento pelo Legislativo”, analisou Márcio Pochmann.

LULA PROCESSA A ESCABROSA VEJA POR CALÚNIA E DIFAMAÇÃO

6628f7e9-d126-4350-9073-bee8baaf1e04Lula é um homem singular por essa singularidade incomum no meio por onde transita, atrai o que há de mais sórdido como forma de inveja e ódio. Sua singularidade serve para que os sórdidos tentem usá-la para auferir alguns lucros.

Por isso, as mídias escabrosas continuamente usam seu nome em falsas matérias para tentar lucrar sobre sua singularidade. Vai de Folha de São Paulo, passando pelo jornal Globo, Tv Globo, Estadão, Época, IstoÉ e Veja. Todas recorrem a seu nome em função de sua singularidade e popularidade.

Como odeiam e invejam Lula, forçam lucrar difamando, caluniando e mentindo. Assim, que mais uma vez a escabrosa Veja está sendo processada por calúnia e difamação em função de sua avidez lucrativa. Em fim de estágio, ela ao invés de lucrar vai ter que pagar Lula por mais um de seus atos sórdidos. Lula entrou com processo contra a escabrosa.

NOTA À IMPRENSA

Lula aciona a Justiça contra mentiras de VEJA

São Paulo, 29 de julho de 2015,

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrou nesta quarta-feira (29) com ação judicial por reparação de danos morais contra os responsáveis pela matéria de capa da revista VEJA desta semana.

São alvos da ação Robson Bonin, Adriano Ceolin e Daniel Pereira, que assinam as reportagens de capa da edição 2.436, que chegou às bancas em 25 de julho passado, além do diretor de redação Eurípedes Alcântara.

“O texto é repugnante, pela forma como foi escrito e pela absoluta ausência de elementos que possam lhe dar suporte”, destacam os advogados de Lula na ação. A peça reafirma também que, de acordo com jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça, “a liberdade de comunicação e de imprensa pressupõe a necessidade de o jornalista e/ou o veículo pautar-se pela verdade”.

A reportagem repete práticas comuns a VEJA: mente, faz acusações infundadas e sem provas, apresenta ilações como se fossem fatos, atribui falas e atos, não tem fontes e busca atacar, de todas as formas, a honra e a imagem do ex-presidente Lula.

DILMA LANÇA A PRIMEIRA FASE DO PRONATEC APRENDIZ COM 15 MIL VAGAS PARA QUALIFICAR JOVENS A PARTIR 14 ANOS

b429b81a-681b-427b-b965-bd062cbd4c58A presidenta Dilma Vana Rousseff lançou ontem, dia 28, o Pronatec Aprendiz na Micro e Pequena Empresa para jovens a partir dos 14 anos até 18 anos. São 15 mil vagas para jovens da rede pública e que se encontram em situação de vulnerabilidade social como os que se encontram em abrigos, resgatados do trabalho infantil, adolescentes egressos do cumprimento de medidas socioeducativas e com deficiências.

O Pronatec Aprendiz é um desdobramento do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) que tem parceria com a Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE), e os ministérios da Educação, do Desenvolvimento Social e do Trabalho e Emprego. O programa iniciará em 81 municípios escolhidos de acordo com o Mapa da Violência para possibilitar os jovens em vulnerabilidade a iniciarem rapidamente ao acesso ao programa.

O jovem, que vai cumprir 400 horas de aulas teóricas, vai experimentar a capacitação técnica e a inserção no mercado de trabalho com contrato de dois anos. Essa experiência vai ser registrada na carteira de trabalho e será garantida a cobertura da Previdência Social.

De acordo com o empregador o aprendiz deverá receber um salário-hora mínimo ou maior, recolher 2% total para o FGTS e 8% para INSS. Se ele for optante do Simples Nacional, a alíquota patronal será isenta. A Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica será responsável pela oferta dos cursos técnicos, pelas escolas técnicas estaduais e municipais do Sistema S, Sesi, Senai, Sebrae, Senar, Senac, Sest, Senat e Sescoop. Os cursos são custeados pelo governo federal.

O jovem interessado deve procurar o Centro de Referência e Assistência Social (Cras) onde poderá se inscrever e entrar em contato com a lista dos cursos oferecidos.

Durante o lançamento do programa, Dilma se posicionou sobre a aprovação da redução da maioridade penal.

“Onde não há Estado, parceria e organização empresarial, a tendência é que ações criminosas se desenvolvam mais e substituam as ações do Estado e da sociedade.

Temos que combater o uso de jovens pelo crime organizado, daí porque temos um critério para começar este programa, o critério é justamente áreas onde há maior grau de violência e portanto maior vulnerabilidade. Não podemos aceitar que o crime organizado substitua o Estado e a sociedade”, disse Dilma.

DILMA LANÇOU O SITE DIÁLOGO BRASIL QUE TEM COMO PRAXIS A PARTICIPAÇÃO DA SOCIEDADE EM TEMAS IMPORTANTES PARA O BRASIL

image_largeA presidenta Dilma Vana Rousseff que já faz uso da internet através do Face book e Twitter para conversar com a população, agora passou a usar outra ferramenta virtual: o site. A presidenta lançou ontem, dia 28, o site Diálogo Brasil cuja práxis torna participação da sociedade mais efetiva, visto que ela poderá opinar sobre os programas importantes para o país.

O novo canal de comunicação do governo federal Diálogo Brasil, vai 14 temas e 80 programas principais do governo. Já no Facebook o site apresenta questionamentos com os internautas como “O Samu é ambulância de pobres?” “A prova do Enem deve ser digital?” “Bolsa Família é ‘dar o peixe’?” Mais de 2,2 mil internautas curtiram a página.

Como o site é um endereço “para que a população proponha melhorias nas políticas públicas e nas vidas dos brasileiros”, em novembro o governo vai responder as três propostas mais apoiada de cada programa.

Você que é um democrata e sabe que em uma democracia a população é quem realiza o regime político que serve a todos e não, exclusivamente, os partidos políticos e as instituições, entre no processual dialógico com o Brasil dando sua opinião. Se você não se tornar sujeito-histórico os brutos e indigentes políticos, como os que aprovaram a redução da maioridade penal e a terceirização vão transformar o Brasil é uma fabulação teratogênica que irá assombrar a maior parte da sociedade brasileira

HADDAD DIZ QUE A DIREITA COM O PODER ECONÔMICO QUE TEM ERA PARA NÃO PERDER ELEIÇÃO, PERDE PORQUE SÃO RUINS E SEU LÍDER, AÉCIO, É VISTO COMO PATÉTICO

image_largeO prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT) em entrevista fez várias observações sobre sua gestão, a aceitação das políticas por grande parte da população, as negações e a posição reacionária da elite e da mídia de mercado que durante os três anos vem cotidianamente tentando desmoralizar e diminuir a importância de seus governo popular que beneficia também a classe média.

Haddad também opinou como pode ser a atmosfera política nas eleições do ano que vem para a prefeitura. Segundo ele, predominará o debate das ideias. E se ocorrer, como é esperado, o maior partido de oposição, PSDB – Aécio afirmou que era o maior partido de oposição ao Brasil -, que tem o poder econômico ao seu lado, vai sentir dificuldade no debate, visto que não tem projeto e seu representante mais exposto atualmente, Aécio Cunha, é visto porte da população como uma figura patética.

“Ainda existe espaço de autonomia no debate de questões locais. Em 2012 fizeram coincidir o julgamento do mensalão durante os 45 dias do programa eleitoral gratuito na TV. Às vésperas do primeiro turno, o Jornal Nacional levou ao ar um especial que durou uns 18 minutos para praticamente proferir a sentença de um julgamento que não havia ocorrido ainda. Mesmo com tudo isso, conseguimos levar um debate na cidade, que passou também pela ética. Não fugimos disso, como não vamos fugir no ano que vem. E o fato é que tivemos êxito.

As pessoas costumam dizer que São Paulo é uma cidade conservadora e eu sempre respondo: é uma cidade onde atuam forças conservadoras. Nunca dou de barato que a cidade é conservadora, mesmo porque a gente ganha, às vezes. Isso significa que tem espaço para o jogo aqui. O que nós estamos vivendo hoje, na verdade começou a germinar há pelo menos dez anos. Desde a reeleição do Lula se cultiva um sentimento no subterrâneo da sociedade, inclusive contraditório com os índices de aprovação das próprias pesquisas. A popularidade do Lula não parava de subir, chegando a mais de 80%, o ruim e o péssimo chegaram a 4%. Nem assim se dava de barato que a Dilma seria eleita, por exemplo. AS chances eram boas, mas como é com 83% de aprovação ainda se podia ter dúvidas sobre a vitória?

A gente sabia que no subterrâneo da sociedade se travava outro tipo de disputa. Como naquela ocasião o debate socioeconômico estava vencido, a vitória estava dada no campo progressista, começaram a impor uma posição no campo do comportamento, da cultura, e não por outra razão que eles fizeram várias tentativas de criar uma animosidade sobre temas caros à esquerda. Perderam, mas tentaram.

Por exemplo, a questão da transferência de renda, a primeira tentativa foi tentar dizer que os pobres iam acabar se acomodando, que era um paternalismo, clientelismo. Quando na verdade é um programa anticlientelista, por ser universal, de superação da extrema pobreza no país, hoje vitrine no mundo inteiro. Mas houve uma tentativa da direita em desconstituir o Bolsa Família, tentando fazer com que a maioria da população não beneficiada se voltasse contra os beneficiários.

Então, não teve tema em que esses caras não tentaram colocara as camadas da sociedade uma contra as outras. Eles não tiveram êxito eleitoral, mas houve impacto. Essa ação de dez anos cultivando a intolerância tem efeito sobre a sociedade. Como disse o Umberto Eco, a internet é dar um microfone na mão de todo mundo, inclusive nas dos idiotas também. O que acaba acontecendo comisso é que se você conversar hoje com uma parte da juventude, ela está contaminada com discurso de intolerância. E mesmo nas camadas ascendentes que deveriam ser progressistas de um avanço maior no ponto de vista civilizatório, muitos estão refém desse discurso de intolerância.

Eles não poderiam perder uma eleição nunca om o poder econômico e político e midiático concentrado do jeito que é. Perdem porque são ruins. Observe o estão fazendo no plano nacional, estão se destruindo. O Aécio é visto hoje por muita gente boa como uma pessoa patética.

Mas vai ser um ano daqueles. Vão centrar muita força. Em 2012, o que eles fizeram quando perderam em São Paulo foi vergonhoso. Eles vão redobrar as energias para nos fazer perder em 2016 e selar o destino das próximas eleições presidenciais”, trechos da entrevista do prefeito de São Paulo Fernando Haddad.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Blog Stats

  • 3,938,801 hits

Páginas