Arquivo para 7 de dezembro de 2011

NOVO CÓDIGO FLORESTAL É VOTADO E APROVADO PELO SENADO

Sob fortes protestos realizados por manifestantes em frente ao Congresso Nacional com direitos a palavras de ordem como, “Senado, Desliga essa Motosserra”, “Dilma, Desliga essa Motosserra”, o novo Código Florestal Brasileiro foi votado e aprovado ontem, pela parte da noite, no Senado quase da mesma forma como foi apresentado pelo relator Jorge Viana (PT/AC) com 26 emendas acatadas e 60 rejeitadas. O que parece ser alteração, sem mudar quase nada, são 20 emendas de mérito e seis de redação acolhidas por Jorge Viana.

Entre as emendas acatadas três se destacam:

  1. Trata de bacias hidrográficas que determina quando elas estiverem em situação crítica de desmatamento, o governo deve aumentar o percentual das áreas de preservação permanente.

  2. Trata de critérios para produção em apicuns – vegetações que convivem com os mangues. Estas áreas produtivas passaram a ser permitidas em até 10% de áreas do apicum na Amazônia e até 35% em outros biomas.

  3. Permite aos estados que tiveram mais de 65% de suas áreas em unidades de conservação, como terras indígenas e florestas, reduzir de 80% para 50% a reserva legal que precisa ser mantida pelas propriedades rurais. Todavia, essa necessidade ainda deve ser apontada pelo Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE) e aprovadas pelos conselhos estaduais de meio ambiente.

Presente ao Senado quando já no fim da votação a ministra Izabella Teixeira, do Meio Ambiente afirmou que o novo Código Florestal Brasileiro traz avanço e que o governo precisa criar uma forma de proibir o desmatamento e promover o reflorestamento.

“Mais do que fiscalização, ele – o código – promove um maior controle social. Ele prevê, por exemplo, a suspensão do crédito para os produtores que estiverem irregulares com as questões ambientais”, disse a ministra.

Agora, o texto vai para Câmara para que os deputados votem e decidam se aceitam parcial ou integralmente o substitutivo proposto pelo relator Jorge Viana. Os deputados têm o poder de rejeitar totalmente o texto do Senado e dotar o projeto original que foi votado na própria Câmara.

Anúncios

COMITÊ NACIONAL DE DEFESA DOS POVOS INDÍGENAS DE MATO GROSSO DO SUL É LANÇADO

Com a participação de centenas de manifestantes ativistas dos movimentos sociais foi lançado em São Paulo, o Comitê Nacional de Defesa dos Povos Indígenas de Mato Grosso do Sul (Condepi), cujo objetivo é defender os direitos humanos dos indígenas do Mato Grosso do Sul.

A preocupação em defender os povos indígenas do Mato Grosso do Sul não surgiu impulsionado apenas pelos antigos e recentes assassinatos de indígenas, e as constantes lutas entre índios e fazendeiros que pretendem se apossar da terra indígena, mas pelo fato do estado possuir o segundo maior número de índios de todo o território brasileiro. São 79,2 mil índios, representando 9% de toda população indígena do país, segundo o Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com dados do Conselho Indigenista Missionário (CIMI), o Mato Grosso do Sul concentra 55% dos assassinatos de indígenas no Brasil nos últimos oito anos, e 27 indígenas assassinados só nos nove meses de 2011.

Participam como membros do comitê, Comissão Pastoral da Terra (CPT), Justiça Global, Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais, Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil, e o Conselho Indigenista Missionário (CIMI).

Falando sobre a luta dos povos indígenas, Lea Aquino, índia Guarani Kaiowá, do Mato Grosso do Sul, disse que o que eles pretendem é poder educar e libertar os filhos.

“Espero que todas as pessoas entendam que nós também somos seres humanos, queremos viver, educar e libertar nossos filhos desse caminho que temos que seguir hoje”, disse Lea.

DILMA SE ENCONTRA COM LULA

A presidenta Dilma Vana Rousseff se encontrou com ex-presidente Lula, seu fiel companheiro, em um hotel da zona sul de São Paulo. Antes de se encontrar com Dilma, Lula, esteve em seu escritório no Instituto Lula. Participaram também do encontro com Lula, o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame.

Em entrevistam Lula, disse aos repórteres que está “desencarnando ainda”. Referência ao que disse quando deixou a Presidência da República quando falou que iria “desencarnar” da função de presidente.

O encontro de Dilma com o companheiro Lula revelou que o bom e velho metalúrgico encontra-se de bom humor se recuperando maravilhosamente da doença que se encontra acometido

DILMA DESEJA QUE A 17ª CONFERÊNCIA DO CLIMA APROVE A SEGUNDA RODADA DO PROTOCOLO DE KYOTO

A presidenta Dilma Vana Rousseff ao participar, no Palácio do Planalto, da entrega do Prêmio Jovem Cientista, fez alusão à 17ª Conferência das Partes na Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (Cop-17) que no momento é realizada em Durban, na África do Sul. A presidenta disse que espera que a conferência aprove a segunda rodada de vigência do Protocolo de Kyoto.

O protocolo de Kyoto foi, no mundo, a primeira tentativa de discussão entre os países sobre as ameaças e destruições ambientais. Seus compromissos estão comprometidos entre os anos de 2008 a 2012.

“Estamos realizando a 17ª Conferência do Clima e gostaríamos que lá fosse aprovada a segunda rodada do Protocolo de Kyoto. Essa é a posição do Brasil e nós considerávamos que isso seria essencial”, afirmou Dilma.

Sobre a questão do clima, Dilma, firmou esperar da conferência uma posição que seja adequada.

“Em Copenhague – onde ocorreu a Conferência do Clima em 2009 – tomamos a iniciativa de reduzir as emissões de gases de efeito estufa no horizonte de 2020 para 36% a 39%. Estamos vendo uma situação um tanto problemática nessa área, do ponto de vista das decisões tomadas em Durban. Esperamos que isso não aconteça e que, de fato, Durban tenha uma decisão mais adequada sobre a questão do clima”, observou a presidenta.

Despertar a dimensão xamânica

A categoria sustentabilidade, tomada em seu sentido amplo e não apenas reduzida ao desenvolvimento, significa toda a ação que visa a manter os seres na existência porque tem direito de coexistir conosco e só a partir desta convivência utilizamos com sobriedade e respeito uma porção deles para atender nossas necessidades e preservando-os também para as futuras gerações.

sustentabilidade

 

O xamã vive um estado de consciência singular que o faz entrar em contato íntimo com as energias cósmicas

Dentro deste conceito cabe também o universo. Sabemos hoje pela nova cosmologia que somos feitos de pó das estrelas e somos sustentados e atravessados pela inominável Energia de Fundo que tudo alimenta e que se desdobra nas quatro forças –a gravitacional, a eletromagnética, a nuclear fraca e forte– que, agindo sempre juntas, nos mantém assim como somos.

Como seres conscientes e inteligentes, temos o nosso lugar e nossa função dentro do processo cosmogênico. Se não somos o centro de tudo, seguramente, somos uma daquelas pontas avançadas pelas quais o universo se volta sobre si mesmo, vale dizer, se torna consciente. O princípio andrópico fraco nos concede dizer que para sermos o que somos, todos as energias e processos da evolução se organizaram de forma tão articulada e sutil que permitiram o nosso surgimento, caso contrário não estaria aqui escrevendo agora.

Através de nós, o universo e a Terra se veem e se contemplam a si mesmos. A vista surgiu há 600 milhões de anos. Até lá a Terra era cega. O céu profundo e estrelado, as cataratas do Iguaçu, onde escrevo agora, o verdor das florestas, aqui ao lado, não podiam ser vistos. Pela nossa vista, a Terra e o universo podem ver toda essa indescritível beleza.

Os povos originários, dos andinos aos samis do Ártico, se sentiam unidos ao universo, como irmãos e irmãs das estrelas, formando uma grande família cósmica. Nós perdemos esse sentimento de mútua pertença. Sentiam que forças cósmicas equilibravam o curso de todos os seres e atuavam em sua interioridade. Viver consoante estas energias universais era levar uma vida sustentável, serena e cheia de sentido.

Sabemos pela física quântica que a consciência e o mundo material estão conectados e a maneira que um cientista escolhe para fazer a sua observação, afeta o objeto observado. Observador e objeto observado se encontram indissoluvelmente ligados. Dai que a inclusão da consciência, nas teorias científicas e na própria realidade do cosmos, é um dado já assimilado por grande parte da comunidade científica. Formamos, efetivamente, um todo complexo e diversificado.

São conhecidas as figuras dos xamãs, tão presentes no mundo antigo e que hoje estão voltando com renovado vigor como o tem mostrado o físico quântico J. Drouot em se livro O Xamã, o Físico e o Místico (Record 2002) que tive a honra de prefaciar. O xamã vive um estado de consciência singular que o faz entrar em contato íntimo com as energias cósmicas. Ele entende os chamados das montanhas, dos lagos, das florestas, dos animais e, das estrelas e dos outros. Sabe conduzir tais energias para curar e harmonizar o ser humano com o todo.

Em cada um de nós existe a dimensão xamânica, escondida dentro de nossa interioridade Essa energia xamânica nos faz silenciar diante da grandeza do mar, vibrar diante do olhar da pessoa amada e estremecer face a um recém nascido. Precisamos liberar esta dimensão em nós para entrarmos em sintonia com tudo o que nos cerca e sentirmo-nos em paz.

Talvez nossa vontade de viajar com as naves espaciais na direção do espaço cósmico, não seja o desejo arquetípico de buscar nossas origens estelares e o ímpeto de regressar ao lugar de nosso nascimento? Vários astronautas expressaram semelhantes idéias.

Pertence à noção compreensiva de sustentabilidade, esta nossa busca incontida de equilíbrio com o todo e de sentirmo-nos parte do universo. A sustentabilidade comporta valorizar este capital humano e espiritual cujo efeito é produzir em nós respeito, sentido de sacralidade diante de todas as realidades, valores que alimentam a ecologia profunda e que nos ajudam a respeitar e a viver em sintonia com a Mãe Terra. Hoje, faz-se urgente essa atitude, para moderar a força destrutiva que nas últimas décadas tomou conta de nós.

*Leonardo Boff é teólogo, filósofo e escritor

UNESCO lidera nova iniciativa anti-bullying contra pessoas LGBT

Rio de Janeiro, 06 de dezembro

A UNESCO lançou a primeira consulta internacional das Nações Unidas para lidar com o bullying contra alunos LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros), nas escolas e nas universidades. Estudos recentes, tais como o Discriminação em razão da Orientação Sexual e da Identidade de Gênero na Europa, do Conselho da Europa, identificaram atitudes homofóbicas e transfóbicas persistentes, em todo o mundo, o que deixa pessoas LGBT vulneráveis a taxas alarmantes de crimes de ódio, discriminação e violência por causa de sua orientação sexual.

A consulta ocorre entre 6 e 9 de dezembro, no Rio de Janeiro, Brasil (Hotel Golden Tulip Regent, Av. Atlântica, 3176, Copacabana). Ela explorará como melhor apoiar alunos e professores LGBT, prevenir e combater o bullying e a discriminação homofóbica e transfóbica nas escolas, e assegurar ambientes de aprendizagem LGBT-seguro.

Participaram da cerimônia de abertura Pedro Chequer, Coordenador do Unaids no Brasil (Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids); Dida Figueiredo, representando a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Cláudio Nascimento, Superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos do Governo do Estado do Rio de Janeiro, Fábio Cléber, representando a Rede Nacional de Jovens Vivendo com HIV/Aids e Mark Richmond, Coordenador Global da UNESCO para HIV e Aids e Diretor da Divisão de Educação pela Paz e pelo Desenvolvimento Sustentável

Essa iniciativa avalia programas e políticas existentes em todo o mundo a fim de compartilhar as melhores práticas com os ministérios da educação.

Nos Estados Unidos, mais de 90% dos estudantes LGBT afirmam ter sido vítimas de assédio homofóbico; na Nova Zelândia, 98% das pessoas LGBT afirmam que já foram verbal ou fisicamente abusadas na escola. Essa violência homofóbica viola o direito dos jovens à educação e a ambientes de aprendizagem seguros.

Como resultado do estigma e da discriminação na escola, jovens submetidos a assédio homofóbico são mais propensos a abandonar os estudos. Também são mais propensos a contemplar a automutilação, cometer suicídio e se engajar em atividades ou comportamentos que apresentam um risco à saúde.

Estão participando da consulta especialistas de 25 países Austrália, Bélgica, Lituânia, Camarões, China, Colômbia, Dinamarca, El Salvador, Macedônia, Inglaterra, País de Gales, Escócia, Irlanda, Israel, Jamaica, México, Namíbia, Holanda, Peru, Samoa, África do Sul, Suécia, Turquia, EUA e Brasil.

Fonte: http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/about-this-office/single-view/news/unesco_leads_new_anti_bullying_initiative-1/


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4,193,958 hits

Páginas

Arquivos

Anúncios