Arquivo de fevereiro \28\UTC 2011

PESQUISA DO IPEA MOSTRA QUE PARA 51% DOS ENTREVISTADOS A EDUCAÇÃO NÃO MELHOROU

Enquanto para 48,7% dos brasileiros a educação no Brasil melhorou, para 51% não melhorou. É o que afirma a pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) realizada através do Sistema de Indicadores de Percepção Social (Pips), que capta a opinião da população em diversas áreas das políticas sociais e serviços públicos. Os entrevistados afirmam também que não houve mudança na qualidade do ensino (27,3%) e o sistema piorou (24,2%).

De acordo com o estudo apresentado, as opiniões variam de região para região. No Sudeste a avaliação negativa chegou a 36,1% de pessoas que acreditam que a educação piorou. Enquanto no Nordeste 14% acredita que a educação piorou. Já no Centro-Oeste, 62,9% opinaram que a educação melhorou.

Para os analistas do Ipea essa diferença de opiniões que ocorreram no Centro-Oeste, Nordeste e Norte opostas ao Sudeste e ao Sul pode ser entendidas pelo fato de foi nessas primeiras regiões onde foram mais aplicados recursos econômicos.

Podem ser uma evidência de como foram aplicados os investimentos nas três primeiras regiões, já que é justamente lá onde se encontram os piores indicadores educacionais do país”, afirma o estudo.

SEGUNDA-FEIRA DOMINICAL

O dia das boas almas

# Khadafi, o ditador da Líbia por quase 42 anos de poder, alguns anos governando com intenções populares, encontra-se nesse momento seguro por tênue querer. Os insurgentes estão próximos de desfechar o ponto final de seus tempos imperiais.

A situação na Líbia, apesar de Khadafi afirmar o contrário – para ele tudo está sob controle -, está mais para o devir-povo do que para imobilidade molar que hoje é seu governo(?).

O povo quer a queda do regime. Esta é a nossa revolução”, gritava um número considerável de insurgentes. Enquanto cartazes com dizeres “a Líbia é a terra dos livres e honrados” eram afixados nas ruas de todas as cidades líbias.

Enquanto Khadafi desmentia tudo. “A Líbia está segura, não há conflitos, Trípoli está segura”, disse ele. E para contestar a decisão do Conselho de Segurança da ONU pela imposição de sanções e pedido de inquérito por crime de guerra contra seu governo, Khadafi afirmou: “O Conselho de Segurança não acredita que Trípoli é segura”.

Por sua vez, os Estados Unidos, por meio de representante maior, o presidente Obama, tenta se colocar à frente dos países que pretende auferir benefícios com a deposição do ditador Líbio. Uma trama já denunciada pelo próprio Khadafi e muitos analistas internacionais. Aliás, os Estados Unidos são os que mais desejam a queda do ditador, concorrendo com o povo líbio, só que com propósitos muitos diferentes. O povo Líbio quer ser sujeito de sua própria história, enquanto os Estados Unidos pretendem eliminar o povo líbio da história.

# Ontem foi noite do glamour, da generosidade – dos inúteis esnobes cuja única participação na existência é fazer gênero -, da comprovação de quanto o capitalismo predador só se imiscui onde há a certeza do lucro pela decadência. Noite de Oscar. A noite do vazio.

Tom Hooper, diretor da amenidade O Discurso do Rei, tratado pelos comentaristas acéfalos como melhor filme, ficou com o prêmio de melhor diretor. Não precisa imaginar os menos melhores que perderam (como elas falam: ganhar, perder). O ator escolhido foi o deslocado Colin Firth, da mesma amenidade que se quis séria. E, quem diria, a atriz que prometia ser uma artista, quando ainda era criança, foi eleita a melhor atriz, da patuscada Cisne Negro: Natalie Portman.

Assim caminha a humanidade do Oscar.

# Enquanto o documentário Lixo Extraordinário, que mostra o trabalho do artista Vik Muniz no aterro de Gramacho, no Rio de Janeiro, perdia para o documentário Trabalho Interno, dos diretores Charles Ferguson e Audrey Marrs, na disputa do Oscar, cinco mil catadores de lixo de Gramacho que vivem da coleta e reciclagem do lixo se angustiavam com a notícia do possível fechamento da lixeira.

O meu medo é o lixão fechar e eu não ter de onde tirar o sustento de minha família, que vem todo daqui”, analisou a situação Leandro Severo Azevedo. Leandro também protestou contra as promessas do governo, que disse que iria criar outras formas de atividades produtivas através dos programas sociais. “Até agora nada. Só promessas”.

Também preocupado com o desemprego, o catador Mário Luiz Martins, viúvo e pai de cinco filhos, analisou a situação através da Lei dos Resíduos Sólidos assinado pelo ex-presidente Lula, que diz que a partir de 2012 não haverá ninguém catando lixo em aterro, todos estarão trabalhando nas cooperativas.

Quando foi criada a Lei de Resíduos Sólidos, pelo presidente Lula, dia 2 de agosto passado, ficou estabelecido que a partir de 2012 não haverá mais ninguém catando em aterro sanitário. Então, nós temos só este ano para trabalhar no lixão.

Quando terminar, vamos trabalhar nas cooperativas recebendo coleta seletiva. Mas isso virou um gargalo, porque a coleta ainda não foi implantada”, analisou Mário Luiz.

As suaves nuances de nossa existência. Enquanto os catadores são exibidos no festival das ilusões, um dos responsáveis por suas existências de trabalhadores explorados nas sobras das urbes, suas existências reais são ameaçadas. É a ordem do glamour tentando desrealizar o que lhe incomoda.

# Mengão é Campeão do Peladão Carioca: a Taça Guanabara. Com gol do baladeiro Ronaldo, de falta – e que falta -, o time da Gávea – que não quis Zico como um de seus orientadores -, em uma demonstração primorosa, confirmando que o futebol carioca é um dos mais sofríveis do Brasil – só não perdendo para o do Amazonas, porque não existe futebol na terra de Ajuricaba –, goleou com um golzito o Buena Vista. Uma equipe limitada, mas com vontade e brio. Um placar digno de uma decisão de uma taça que há muito foi pedido seu fim.

O bom na conquista do Mengão é que ela confirma que a grana não tem valor real. Toda a grana que o Mengão gasta para formar uma boa equipe fica confirmada em suas partidas. E, no caso em questão, o campeonato carioca. Tudo se resume ao Rei Midas: Nada.

Parabéns, Mengão, você foi o único clube carioca que não entendeu o significado do vazio. Parabéns! Vamos comemorar pela portentosa conquista!

Enquanto isso, no campeonato bandeirante, o Coringão goleia, e o time do mascarado – é tempo de carnaval – Neymar empata mais uma e demite o técnico. Sempre o técnico é o mordomo.

E, no piscinão do Morumbi, o seu proprietário junto com o Periquito se afogaram no 1 a 1. Escore injusto. O tricolor deveria terminar a partida com 0. Já o Periquito merecia pelo menos um 0.

ESQUENTANDO A BANDINHA DO OUTRO LADO 2011

Associação Filosofia Itinerante – AFIN

enuncia

Bandinha do Outro Lado

Carnaval-Criança-Dionisíaco

foto
A criança como produtora da alegria!!!

no domingo gordo de carnaval

06 de março
à rua
Rio Jaú, n° 43 – Novo Aleixo (Manaus-Am)
às
18h (ou 6 da tarde)

foto
Quando as crianças afinadas vão chegando com suas criatividades, com os movimentos livres no mundo, para compor encontros com cores, pessoas, tecidos, colas, tintas, contas e tantos outros materiais, percebe-se que maravilha é a Bandinha do Outro Lado, realizada no bairro Novo Aleixo, zona Leste de Manaus há quatro anos.
foto
foto


foto
Este é o quinto ano da bandinha que carrega o Sátiro da festa dionisíaca, e não importa se com dente ou dentadura, desde que não seja doada por político corrupto, todas as atividades são distributivas na feitura das máscaras e fantasias necessárias para dançar pelos ares na folia imprevisível.
foto
foto


foto

foto

Como nos outros anos, as próprias crianças e outras pessoas da comunidade, a partir da alegria dos encontros alegres, participam da construção dos adereços corporais e se envolvem na preparação do ambiente de concentração e explosão intensiva da Bandinha do Outro Lado, a única bandinha em Manô que não carrega os códigos constituídos do falso carnaval capitalizado.

foto
foto
foto
foto
foto
E enquanto a bandinha da Bandinha do Outro Lado firma a batida, os sátiros vão compondo as composições dionisíacas na pluralização democrática dos sons e das cores fundamentais da alegria que tomará conta da periferia de Manô no próximo domingo, quando você poderá foliar ao som da novíssima marchinha da Bandinha do Outro Lado.
foto
foto


foto
foto
foto

Levantes populares: do Oriente Médio ao Meio Oeste

Há apenas algumas semanas, a solidariedade entre jovens egípcios e policiais do Wisconsin, ou entre trabalhadores líbios e funcionários públicos de Ohio, seria algo inacreditável. O levante popular na Tunísia foi provocado pelo suicídio de um jovem chamado Mohamed Bouazizi, universitário de 26 anos de idade, que não encontrava trabalho em sua profissão.Nos conflitos que vemos hoje em Wisconsin e Ohio há um pano de fundo semelhante. A “Grande Recessão” de 2008, segundo o economista Dean Baker, ingressou em seu trigésimo mês sem sinais de melhora. O artigo é de Amy Goodman.

Amy Goodman – Democracy Now

Cerca de 80 mil pessoas marcharam no sábado passado ao Capitólio do estado de Wisconsin, em Madison, como parte de uma crescente onda de protesto contra a tentativa do flamante governador republicano Scott Walker, não só de acossar os sindicatos dos servidores públicos, mas de desarticulá-los. O levante popular de Madison ocorre imediatamente em seguida aos que vêm ocorrendo no Oriente Médio. Um estudante universitário veterano da guerra do Iraque, levava um cartaz que dizia “Fui ao Iraque e voltei a minha casa no Egito?”. Outro dizia: “Walker, o Mubarak do Meio Oeste”.

Do mesmo modo, em Madison, circulou uma foto de um jovem em uma manifestação no Cairo com um cartaz que dizia: “Egito apoia os trabalhadores de Wisconsin: o mesmo mundo, a mesma dor”. Enquanto isso, em uma tentativa de derrubar o eterno ditador Muammar Kadafi, os líbios seguem desafiando a violenta ofensiva do governo, ao mesmo tempo que mais de 10 mil pessoas marcharam terça-feira em Columbus, Ohio, para se opor à tentativa do governador republicano John Kasich de dar um golpe de estado legislativo contra os sindicatos.

Há apenas algumas semanas, a solidariedade entre jovens egípcios e policiais do Wisconsin, ou entre trabalhadores líbios e funcionários públicos de Ohio, seria algo inacreditável.

O levante popular na Tunísia foi provocado pelo suicídio de um jovem chamado Mohamed Bouazizi, universitário de 26 anos de idade, que não encontrava trabalho em sua profissão. Enquanto vendida frutas e verduras no mercado, em repetidas oportunidades foi vítima de maus tratos por parte das autoridades tunisianas que acabaram confiscando sua balança. Completamente frustrado, ele ateou-se fogo, o que acabou incendiando os protestos que se converteram em uma onda revolucionária no Oriente Médio e Norte da África. Durante décadas, o povo da região viveu sob ditaduras – muitas das quais recebem ajuda militar dos EUA -, sofreu violações dos direitos humanos, além de ter baixa renda, enfrentar altas taxas de desemprego e não ter praticamente nenhuma liberdade de expressão. Tudo isso enquanto as elites acumulavam fortunas.

Nos conflitos que vemos hoje em Wisconsin e Ohio há um pano de fundo semelhante. A “Grande Recessão” de 2008, segundo o economista Dean Baker, ingressou em seu trigésimo mês sem sinais de melhora. Em um documento recente, Baker diz que devido à crise financeira “muitos políticos argumentam que é necessário reduzir de forma drástica as generosas aposentadorias do setor público e, se possível, não cumprir com as obrigações de pensões já assumidas. Grande parte do déficit no sistema de aposentadorias se deve à queda da bolsa de valores nos anos 2007-2009”.

Em outras palavras, os mascates de Wall Street que vendiam as complexas ações respaldadas por hipotecas que provocaram o colapso financeiro foram os responsáveis pelo déficit nas pensões. O jornalista vencedor do prêmio Pulitzer, David Cay Johnston disse recentemente: “O funcionário público médio de Wisconsin ganha 24.500 dólares por ano. Não se trata de uma grande aposentadoria; 15% do dinheiro destinado a esta aposentadoria anualmente é o que se paga a Wall Street para administrá-lo. É realmente uma porcentagem muito alta para pagar Wall Street por administrar o dinheiro”.

Então, enquanto a banca financeira fica com uma enorme porcentagem dos fundos de aposentadoria, os trabalhadores são demonizadas e pede-se a eles que façam sacrifícios. Os que provocaram o problema, em troca, logo obtiveram resgates generosos, agora recebem altíssimos salários e bonificações e não estão sendo responsabilizados. Se rastreamos a origem do dinheiro, vemos que a campanha de Walker foi financiada pelos tristemente célebres irmãos Koch, grandes patrocinadores das organizações que formam o movimento conservador tea party. Além disso, doaram um milhão de dólares para a Associação de Governadores Republicanos, que concedeu um apoio significativo à campanha de Walker. Então, por acaso resulta surpreendente que Walker apoie às empresas ao outorgar-lhes isenções se impostos e que tenha lançado uma grande campanha contra os servidores do setor público sindicalizado?

Um dos sindicatos que Walter e Kasich têm na mira, em Ohio, é a Federação Estadunidense de Empregados Estatais de Condados e Municípios (AFSCME, na sigla em inglês). O sindicato foi fundado em 1932, em meio à Grande Depressão, em Madison. Tem 1,6 milhões de filiados, entre os quais há enfermeiros, servidores penitenciários, seguranças, técnicos de emergências médicas e trabalhadores da saúde. Vale a pena lembrar, neste mês da História Negra, que a luta dos trabalhadores da saúde do prédio n° 1733 de AFSCME fez com que o Dr. Martin Luther King Jr. Fosse a Memphis, Tennessee, em abril de 1968. Como me disse o reverendo Jesse Jackson quando marchava com os estudantes e seus professores sindicalizados, em Madison, na semana passada: “O último ato do Dr. King na terra, sua viagem a Memphis, Tennessee, foi pelo direito dos trabalhadores negociarem convênios coletivos de trabalho e o direito ao desconto da quota sindical de seu salário. Não é possível beneficiar os ricos enquanto se deixa os pobres sem nada”.

Os trabalhadores do Egito, formando uma coalizão extraordinária com os jovens, tiveram um papel decisivo na derrubada do regime deste país. Nas ruas de Madison, sob a cúpula do Capitólio, está se produzindo outra mostra de solidariedade. Os trabalhadores de Wisconsin fizeram concessões em seus salários e aposentadorias, mas não renunciaram ao direito a negociar convênios coletivos de trabalho. Neste momento seria inteligente que Walker negociasse. Não é uma boa época para os tiranos.

Amy Goodman – Democracy Now

Tradução: Katarina Peixoto

Fonte: Blog Carta Maior

PREFEITO DE MANAUS, AMAZONINO, DISCRIMINA PERUANO E BOLIVIANO

O filósofo Nietzsche diz que existem pessoas que passam pela vida e não sabem que tem consciência. Elas fazem seus percursos instintivamente sem que encontrem obstáculos que lhes obriguem a observar a si mesmas, para, posteriormente, ter a necessidade de observar o mundo. O produtor dos obstáculos, agenciador do surgimento da consciência. O que fundamenta o aparecimento da comunicação. Porque a consciência surge pela necessidade de comunicação, quando as pessoas precisam falar sobre seus obstáculos.

Também existem pessoas cujos conteúdos de suas consciências são sempre adequações do que elas encontraram no mundo e que lhes agradou. Essas pessoas não são nada mais do que reproduções de partes do mundo. Suas opiniões são apenas projeções dessas partes. Assim, elas nunca elaboram raciocínios que escapem ao que elas adequaram em si do mundo. Possuem sempre enunciações linguísticas e físicas ordenadas pelo mundo. Suas existências são um insuportável por e dispor do já posto. São peculiares. Também são personagens nietzscheanas. Não têm consciência de suas consciências. Comentam um fato por comentar. Falam por falar.

No episódio promovido para o Brasil através da internet, e também em outras partes do mundo, pelo prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PTB), cassado em primeira instância pela ínclita juíza Maria Eunice Torres do Nascimento, em que ele desejou que a senhora Laudenice Paiva, de 37 anos, que ela morresse, e a discriminou por ela ser paraense, que o levou a cogitar desculpas pelo ocorrido, dizendo que estava nervoso e também que a senhora estava com “comportamento desajustado”, percebe-se a presença do filósofo da Vontade de Potência.

Como foi visto por milhões de pessoas pela internet, a discriminação contra os paraenses não é confirmada apenas pelas palavras judicativas de Amazonino, quando depois de perguntar para a senhora de onde ela vinha e ela responder que era do Pará, e ele sentenciar “Pronto, está explicado!”. A discriminação se concretiza, brechtianamente, mais ainda, no momento em que ele gesticula. Sua gesticulação é um complemento de sua enunciação ecolálica, uma redundância, marcadora de poder: “Pronto, está explicado”. Ele, “nervoso”, como juiz, sabe por que a senhora está querendo construir uma casa em uma área de risco. Ela é paraense.

Mas Amazonino cogitou desculpar-se, mesmo dizendo que não tinha que se desculpar. “Por que eu tenho que pedir desculpas à moradora se eu fui lá salvar a vida dela?”, disse em sua certeza de deus. Mas, desapercebidamente, em seu argumento de quem não cometeu nenhum ato injusto, Amazonino confirmou concretamente o filósofo da crítica da moral, Nietzsche.

Como sempre ocorre com políticos que adequam o mundo a si, governam mais por impulso do que pela razão – daí dizer que estava nervoso -, o prefeito cassado cometeu mais duas discriminações. Dessa vez, contra dois povos. Contra duas nações.

Nós somos todos da Amazônia e não se pode discriminar no espírito republicano ninguém. Nem se fosse peruano que tivesse aqui, boliviano…”, sentenciou ele, segundo reportagem do Jornal do Brasil.

Nem se fosse peruano, boliviano”. Amazonino sem tomar consciência do mundo, do “espírito” amazônico, nisso não ter criado para si a necessidade da ação comunicativa, conforme apresentam os filósofos da Escola de Frankfurt, que passa pela reflexão, pela crítica, em razão do outro ser uma alteridade social, segregou os dois povos. O “nem se fosse” é uma sentença judicativa que procura qualificar alguém que não se encontra inserido no modelo – no caso em questão, capitalista -, considerado normal pelos que são responsáveis pela determinação do que é real, necessário, e importante. Ou seja, as classes e grupos dominantes, criadoras das opiniões que, naqueles em que a consciência não é uma reflexão sobre o mundo, determinam o preconceito. Uma opinião que não passa pela experiência racional. Pelo argumento de Amazonino, ele não discriminaria dona Laudenice nem se ela fosse peruana ou boliviana.

Na verdade, o prefeito cassado fez uso ressonante – enquanto sujeito-sujeitado como ressonância linguística – do que os filósofos Deleuze e Guattari chamam de “palavra de ordem”. Uma enunciação linguística ordenada como realidade coletiva que aqueles que estão capturados pela subjetividade dominante, ou do momento, fazem uso. No caso de Amazonino, uma enunciação “palavra de ordem” de uso despótico. “Nem se fosse”.

Agora Amazonino não pode dizer para os peruanos e bolivianos que quando ele teceu esse argumento estava nervoso, e os peruanos e os bolivianos estavam com “comportamento desajustado”.

E Amazonino ainda quer ser tomado como intelectual que lê os pensadores. Ainda bem que Nietzsche não é um pensador.

i iNDA TEM FRANÇÊiS Qi DiZ Qi A JENTi NUM SEMO SERO

@ PRESIDENTA DILMA VANA ROUSSEFF SANCIONA PROJETO DE LEI QUE REAJUSTA SALÁRIO MÍNIMO. O projeto de lei que reajusta o salário mínimo em R$ 545, aprovado na Câmara Federal e no Senado, que trata também da política de valorização do salário mínimo até 2015, foi sancionado ontem, dia 25, pela presidenta Dilma, segundo informação da Secretaria de Imprensa do Palácio do Planalto.

Na próxima segunda-feira, dia 28, o Diário Oficial da União (DOU) publicará a lei. O novo salário mínimo entra em vigor a partir de 1º de março, terça-feira. I inda tem françêis…

@ TV ESTATAL DA LÍBIA MOSTRA KHADAFI CONVOCANDO SEUS ALIADOS A PEGAR EM ARMAS contra os inimigos. Com seu cargo de governante da Líbia por mais de 42 anos, o ditador Muamar Khadafi voltou à TV Estatal para conclamar seus seguidores a pegar nas armas para “defender a nação” da ameaça dos rebeldes e das forças imperiais estrangeiras comandadas pelos Estados Unidos, a União Europeia e Osama Bin Laden.

Em seu pronunciamento, no parapeito do Castelo Vermelho, cuja visão alcança toda a Praça Verde, onde estavam concentrados mais de mil partidários seus que carregavam cartazes com sua imagem e bandeiras verdes, Khadafi, movimentando com entusiasmo os abraços, convocou-os para “retaliar eles (os inimigos)” e se “preparar para defender a nação e o petróleo”. “O povo líbio ama Khadafi. Nós podemos esmagar qualquer inimigo. Quando necessário, vamos abrir os arsenais para armar todo o povo Lívio e todas as tribos líbias. Estamos prontos para triunfar sobre o inimigo.

Somos a nação da dignidade e da integridade. Esta nação triunfou sobre a Itália (colonizadora da Líbia). Dancem, cantem e preparem-se… O espírito de vocês é mais forte do que qualquer tentativa dos estrangeiros e dos inimigos nos destruir”, discursou. I inda tem françêis…

@ O CONSELHO DE DIREITOS HUMANOS DAS NAÇÕES UNIDAS QUER SUSPENSÃO DA LÍBIA. A pedido da Hungria, também do Brasil e outros países, o Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas se reuniu ontem, dia 25, para analisar a situação da Líbia, cujo povo vem sofrendo severas violências promovidas pelas forças aramadas do ditador Muammar Khadafi. Diante dos relatos que afirmam estarem os manifestantes sendo violentamente reprimidos, onde milhares já foram mortos e outros milhares feridos, em uma situação que vem comovendo o mundo, o conselho resolveu recomendar a suspensão da Líbia do órgão. Assim, como a imediata investigação sobre a denúncia de crimes contra a humanidade.

Para Navi Pillay, alta comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, é preciso cobrar responsabilidade das autoridades líbias sobre os inaceitáveis atos de violência. I inda tem françêis…

@ UNIÃO EUROPEIA SUSPENDE VENDA DE ARMAS PARA A LÍBIA. Depois de congelar os bens do ditador da Líbia Khadafi, de sua família e de todas as pessoas ligadas ao seu eixo de amizade, assim como cancelar os vistos de entrada nos 27 países que compõem o bloco da União Europeia, representantes da EU resolveram discutir medidas de restrições para proibir a venda de armas para a Líbia.

Entretanto, as decisões que devem responder às medidas consideradas pela EU contra Khadafi só serão aprovadas nos próximos dias. Os governantes dos 27 países estão elaborando um texto que vai mostrar quais as personagens que terão seus bens congelados e seus vistos suspensos. I inda tem françêis…

@ UNICEF DIZ QUE POLÍTICAS SOCIAIS DO BRASIL VISAM MAIS CRIANÇAS. Dos 21 milhões de brasileiros com menos de 18 anos, 38% vivem em situação de pobreza. Esse grupo de adolescentes está correndo o perigo de se tornar visível, porque as políticas sociais do governo focam mais nas crianças. É o que afirma o relatório Situação da Infância Mundial 2011 – Adolescência: Uma Fase de Oportunidades, divulgado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

O relatório mostra que os jovens vivem oportunidades para inserção social e produtivas insuficientes. Para o relatório, a fase da adolescência é a fase que mais corre o risco de sofrer riscos contra si. A adolescência sofre com o desemprego, o subemprego, a violência, a degradação ambiental e a redução dos níveis de qualidade de vida.

As oportunidades tornam-se mais difíceis quando são levados em consideração fatores como idade, gênero, raça, etnia, condição pessoal, local de moradia e renda, mostra o relatório. Dois milhões de adolescentes entre 15 e 17 anos que vivem na Amazônia Legal ainda representam um desafio para os governos, visto que eles não recebem a atenção necessária para que tenham satisfeitos seus direitos.

Segundo o relatório, os adolescentes devem ter o mesmo apoio que é dado na fase inicial e intermediária da infância como investimentos na educação e saúde. I inda tem françêis…

@ CAMPANHA DE ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA CONTRA EXPLORAÇÃO SEXUAL DA CRIANÇA E ADOLESCENTE foi lançada ontem, dia 25, no Rio de Janeiro, no Aeroporto Santo Dumont – e simultaneamente em 17 aeroportos -, pela ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República Maria do Rosário, que afirmou que o objetivo da campanha é, a partir do carnaval, realizar uma mobilização permanente com a finalidade de preservar e fazer respeitar os direitos da criança e do adolescente em todo o país.

Essa campanha é uma das primeiras ações que nós estamos fazendo este ano, para enfrentarmos juntos – governo federal, municípios, estados e a sociedade brasileira – a exploração sexual.

Começa no carnaval, segue o ano inteiro. E o símbolo é a nossa bola, porque nós estamos também no ritmo da Copa, para dizer que a Copa será para o Brasil um momento de proteção das crianças”, afirmou Maria do Rosário, que também falou sobre as denúncias sobre a exploração sexual das crianças e adolescentes no período do carnaval, isentando as escolas de samba.

Escola de samba, em geral, é um lugar em que as pessoas cuidam muito das crianças. Mas, a questão do álcool, das drogas corre solta e traz maior vulnerabilidade. Muitas crianças também ficam sozinhas. E isso é muito preocupante. Nós temos, todos, que assumir a responsabilidade com as crianças brasileiras”, analisou a ministra. I inda tem françêis…

@ ATENDENDO PEDIDO DO MPF, JUSTIÇA DO PARÁ SUSPENDE LICENÇA DE INSTALAÇÃO DA USINA DE BELO MONTE. A liminar concedida pelo juiz federal Ronaldo Desterro suspende imediatamente a licença concedida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para montagem dos canteiros das obras. Agora, todas as obras que foram iniciadas devem ser suspensas.

Enquanto o processo que contesta a obra não tiver seu mérito julgado e enquanto não for comprovado o cumprimento das exigências previstas na licença prévia concedida pelo Ibama, a proibição continuará. A Justiça também proibiu o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) de repassar recursos à Norte Engenharia Sociedade Anônima (NESA), responsável pela construção da hidrelétrica.

Para o Ministério Público Federal (MPF), a licença é ilegal, pois não atende a pré-condições estabelecidas pelo próprio Ibama na licença prévia. As exigências não cumpridas são recuperação de áreas degradadas, adequação da infraestrutura urbana, regularização de áreas afetadas e programa de apoio aos indígenas da região. I inda tem françêis…

@ EXIT THROUGH THE GIFT SHOOP, filme documentário do diretor experimental Thierry Guetta, que retrata o ambiente dos artistas de rua, e principalmente a obra do artista grafiteiro oculto – sem face –, o inglês Banksy, indicado para participar da 83º Cerimônia do Oscar, está causando frisson nos organizadores do festival de cinema hollywoodiano que ocorrerá no domingo, dia 27.

É que os organizadores do maior festival de filmes da sociedade capitalista de consumo, diante da possibilidade do filme ser vencedor, já que ele vem se mostrando o mais forte concorrente em seu gênero, resolveram proibir o comparecimento de Banksy na cerimônia porque ele nunca foi visto, e quando aparece em foto ou gravação, aparece sempre com uma máscara. Daí que fica proibido o comparecimento de qualquer pessoa disfarçada com máscara.

Imagine a cena: o documentário vence e sobem ao palco cinco pessoas com máscaras de macaco dizendo “Sou Banksy”. Para quem daremos o prêmio?”, argumentou o diretor da academia Bruce Davis. I inda tem françêis…

Vamos que vamos!

Vamos, vamos, vamos, vamos!

NEM ALÁ ESCAPA DA FÚRIA DE KHADAFI

Um dos pontos lamentáveis da superstição é promover no crente a certeza de que seu corpo é imaterial, não é composto de sistema nervoso, cérebro e mente. Nisso o supersticioso crente se sente indolor. O couro está comendo e ele se reporta aos céus, pela imaginação, crente que seu corpo encontra-se livre da matéria pecadora. O céu é testemunha, imagina ele. Mas estão ali, em seu corpo, as enfermidades criadas pelo mundo que ele, com sua superstição, tenciona protegê-lo.

Foi assim que alguns religiosos seguidores de Alá resolveram, através de suas crenças, protestar contra as atrocidades que vem ocorrendo na Líbia. Os religiosos estavam em plenas orações quando as forças repressivas de Khadafi os expulsou dos céus, mandando-os de volta à Terra. Especificamente na Líbia.

Enquanto isso, a TV Estatal mostrava aos seus telespectadores um grupo de manifestantes pró-Khadafi protestando na Praça Verde, em Trípoli – cidade dominada pelos rebeldes -, contra os manifestantes que pretendem a renúncia do ditador líbio.

Seguindo a sequência da contra partida, em um ponto do distrito de Janzour, um grupo de manifestantes era perseguido pelo braço armado de Khadafi, resultando em mais dois mortos.

Em sua condição de desesperado diante do declínio irrevogável, para seduzir os manifestantes, Khadafi ofereceu US$ 400 para cada família deixar de se preocupar com sua liberdade, e aceitar sua continuidade no poder por outros infinitos anos.

Que Alá os proteja de Khadafi e dos dólares norte-americanos! E por que não dos Euros?


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Quer linha de corte? Este é esquizo. Acesse:

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Blog Stats

  • 3,940,388 hits

Páginas

fevereiro 2011
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728